Professor da UERN é primeira morte confirmada por coronavírus no RN

O professor do Departamento de Química da Universidade Estadual do Rio Grande do Norte (Uern), Luiz Di Souza (61 anos) é a primeira morte confirmada do novo coronavírus no Rio Grande do Norte. A informação foi confirmada pelas secretarias de comunicação da Prefeitura de Mossoró e a Universidade Estadual do Rio Grande do Norte na noite deste sábado, 28. 

O paciente estava internado e já tinha teste confirmado do vírus, inclusive sendo listado no Boletim Epidemiológico divulgado na manhã deste sábado (28) pela Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sesap). Segundo nota do Governo do Estado, a vítima tinha histórico de diabetes. O paciente deu entrada em hospital privado na cidade de Mossoró no dia 21 de março, na última sexta-feira (27) teve a confirmação que estava com a Covid-19, indo a óbito na noite deste sábado. 

Luiz Di Souza era muito querido pelos alunos da instituição e circulavam na internet vários vídeos com mensagens de esperança pela recuperação do professor. Lotado no Departamento de Química, da Faculdade de Ciências Exatas e Naturais, o professor trabalhou durante mais de 20 anos na universidade. Entre seus projetos, destaca-se o grupo Fanáticos da Química, que utiliza a linguagem lúdica na popularização da Ciência.

Em nota, a UERN agradeceu “sua dedicação e o relevante trabalho em todos esses anos” e decretou luto oficial com hasteamento da bandeira a meio mastro. A nota afirma que, “devido aos riscos da doença, não haverá velório”.

Pelo menos três outras mortes por Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, estão sendo investigadas pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) no Rio Grande do Norte (Sesap-RN), sendo dois em Assu, cidade do Oeste potiguar a 208 quilômetros de Natal, e um Parnamirim, na Grande Natal. Antes, eram quatro. Um dos casos de Assu foi descartado. 

 “A investigação de óbitos não foi concluída. Antes da conclusão, a investigação é um trabalho demorado, que você tem que estudar desde o vínculo epidemiológico, o prontuário médico, a escuta dos profissionais para se chegar a uma conclusão. Momentaneamente, em função da epidemia, os casos de óbitos com suspeita ou diagnóstico clínico não precisam ir para Serviço de Verificação de Óbitos, porque o sistema não daria conta. Esses resultados não temos hoje ainda”, explicou na sexta-feira o secretário estadual de Saúde Pública, Cipriano Maia.

Da Tribuna do Norte

Magazine Luiza vai doar R$ 10 milhões para tratar doentes do coronavírus

As famílias Trajano e Garcia, controladoras do Magazine Luiza, anunciaram nesta sexta-feira, 27, que vão doar R$ 10 milhões em equipamentos e outros itens para o tratamento das vítimas da pandemia da covid-19. O valor está sendo destinado à compra de respiradores artificiais, leitos, colchões e travesseiros para equipar hospitais públicos e filantrópicos de todo o País….Leia mais

“Tenho feito pedidos para que não demitam”, diz dona do Magazine Luiza

A empresária Luiza Trajano, presidente do conselho de administração do Maganize Luiza, tem feito um apelo aos empresários para que eles conservem os empregos e não fiquem em pânico. “Tenho dito que o pânico está tão grande que eles não estão conseguindo ver as medidas que o governo está tomando”, disse Luiza, que também preside o Grupo…Leia mais

13 casos suspeitos de Coronavírus são descartados na região do Seridó. 74 casos continuam sendo monitorados

74 casos suspeitos para Coronavírus continuam sendo monitoradas pelas secretarias de Saúde dos Municípios de Caicó, São Fernando, Marcelino Vieira, São José do Seridó, Apodi, Jardim do Seridó.

De acordo com o boletim divulgado pelo Hospital Regional Telecila Freitas Fontes na noite deste sábado (28), dos 87 casos notificados desde o início da pandemia, 13 já foram descartados e mais nenhum permanece isolado no Hospital. Até agora não tivemos nenhum caso positivo para Coronavírus.

Proposta do Ministério da Saúde prevê isolamento de três meses para idosos e abertura de bares com metade da lotação

O Ministério da Saúde tenta articular com os estados a flexibilização de medidas restritivas de isolamento por conta do novo coronavírus. Em documento preliminar enviado a secretários estaduais de Saúde, ao qual O GLOBO teve acesso, a pasta apresenta propostas e define prazos iniciais.

Idosos e grupos de risco por conta de doenças crônicas, por exemplo, ficariam três meses em distanciamento social. Já estudantes da educação básica e do ensino superior seriam orientados a manter o isolamento até o fim de abril, podendo se estender para maio, dependendo de cada realidade local.

Comércios como bares e restaurantes, onde há aglomeração de pessoas habitualmente, funcionariam com metade da capacidade total. Isso seria importante para evitar concentração de pessoas, o que eleva o risco de transmissão do vírus. Mas eventos esportivos, culturais ou religiosos ficariam vetados.

Deve haver também distanciamento no ambiente de trabalho. A pasta sugere que sejam feitas reuniões virtuais, teletrabalho, extensão do horário para diminuir a quantidade de pessoas no espaço físico.

As medidas fazem parte de um esforço do governo de alinhar, o máximo possível, o discurso em torno das medidas de isolamento social para apresentar um plano no início do próximo mês. Seria uma orientação geral para a contenção da doença que não paralise a economia, na linha do que o presidente Jair Bolsonaro vem pedindo ao ministro Luiz Henrique Mandetta, Saúde.  Bolsonaro, no entanto, defende uma “volta à normalidade” com restrições apenas para idosos e pessoas com comorbidades.

As informações foram publicadas pelo site do jornal “Folha de S. Paulo” e confirmadas pelo GLOBO. Segundo fontes do Ministério da Saúde, as medidas ainda não estão validadas pela pasta porque serão objeto de discussão com os secretários estaduais de Saúde.

Alberto Beltrame, presidente do Conselho Nacional de Secretários de Saúde, confirma o recebimento do documento e diz que ele já está em discussão há algum tempo com os gestores locais. Ele não vê mudanças na posição do Ministério da Saúde e apoia a definição de regras porque acredita que ajudará “quem ainda não o fez, bem como o apoio a todos os estados que já anteciparam medidas”.

— A evolução da pandemia no Brasil, em seus possíveis cenários, tem sido discutida sempre entre estados e Ministério. Este documento é um dos cenários em discussão há tempo. Apoiamos integralmente a equipe do Ministério da Saúde — afirmou Beltrame.

Mandetta esteve na manhã deste sábado em reunião com o presidente Bolsonaro e outros ministros. Ele deixou o Palácio da Alvorada mais cedo que a maior parte dos presentes e prevê dar uma coletiva de imprensa na tarde de hoje.

Confira as medidas em discussão

Para 30 dias

  • – Anunciar na semana de 6 de abril medidas de transição
  • – Escolas e universidades fechadas até o fim do mês de abril com atualização de cenário em 20/04, com possibilidade de extensão por mais 30 dias

Por três meses a contar da divulgação

  • – Distanciamento social para pessoas acima de 60 anos, com reavaliação mensal
  • – Distanciamento social para pessoas abaixo de 60 anos com doenças crônicas, com suporte financeiro governamental, com reavaliação mensal
  • – Distanciamento social no ambiente de trabalho
  • – Reuniões virtuais, teletrabalho, extensão do horário para diminuir densidade de equipe no espaço físico etc
  • – Isolamento domiciliar de sintomáticos e contatos domiciliares (exceto de serviços essenciais assintomáticos)
  • – Proibição de qualquer evento de aglomeração (shows, cultos, futebol, cinema, teatro, casa noturna etc)
  • – Bares e restaurantes: reduzir para 50% a capacidade instalada com intensificação das regras de prevenção (álcool, limpeza etc.)
  • – Trabalhadores informais serão contratados como promotores de saúde durante a resposta ao COVID-19
  • – Orientar as pessoas na rua, identificar idosos e enviar para casa, limpeza de superfícies (com uniforme e envolvimento social)

90% das mortes por Covid-19 tinham acima de 60 anos, diz Ministério

O Ministério de Saúde divulgou neste sábado, 28, o perfil dos óbitos por Covid-19, transmitido pelo novo coronavírus. Segundo os dados, 90% das vítimas fatais tinham acima de 60 anos Ainda, 84% apresentaram pelo menos um fator de risco. Entre eles, cardiopatia, diabetes e pneumopatia. 

Até o momento 61,4% das pessoas que vieram a óbito foram homens, 62 casos. Já mulheres representam 38,6%, com 39 casos. O maior número de óbitos foram registrados na última quinta-feira, 26, quando 14 pessoas morreram. Até as 15h deste sábado, 28, quando os dados apresentados foram fechados, 15.140 pessoas estavam hospitalizadas por conta da Covid-19. Deste, 569 foram confirmados com a doença. 

Do Correio Braziliense

Mortes por coronavírus chegam a 114 no Brasil

O número de casos confirmados de pessoas com o novo coronavírus no Brasil subiu para 3.904, e o total de mortes chegou a 114, o equivalente a 2,9% do total. Os dados foram divulgados pelo Ministério da Saúde na tarde deste sábado. Inicialmente, o ministério havia informado que havia 111 óbitos registrados no país, mas atualizou o dado para 114, após…Leia mais

Prefeito Batata estima que Caicó deva ter até o final de abril 120 leitos para atender possíveis casos de coronavírus de todo o Seridó

A estimativa do Governo do Estado em parceria com municípios da região do Seridó é de que Caicó, até o final do mês de abril tenha disponível 120 leitos para atender possíveis casos de Coronavírus que venham surgir na região do Seridó.

A informação foi confirmada nesta tarde de sábado (28) ao Blog do Marcos Dantas pelo prefeito Batata, que disse estar diariamente em contato com a Sesap, e que as previsões não são animadoras para as próximas semanas.

Caicó será a referência em atendimento a casos ligados ao Coronavirus para toda a região do Seridó. Atualmente o município conta com 20 leitos, e esse número até o final de abril deve saltar para 120.

“Temos discutido com o Governo e demais instituições a necessidade de um outro espaço para abrigar esses leitos, além do Hospital Regional, e já estamos quase batendo o martelo”, explicou o prefeito.

Poderes potiguares em nota: “Não é o momento para passeatas, carreatas e outras formas de aglomeração”

NOTA CONJUNTA

O Ministério Público Federal no Rio Grande do Norte, o Ministério Público do Estado do Rio Grande do Norte, o Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte, a Justiça Federal (Seção Judiciária no Rio Grande do Norte), a Defensoria Pública do Estado do Rio Grande do Norte, o Tribunal de Contas do Estado do Rio Grande do Norte e o Ministério Público do Trabalho no Rio Grande do Norte conclamam todos a se manterem obedientes às restrições impostas pelos Decretos Estaduais nº 29.541, de 20 de março de 2020, e nº 29.556, de 24 de março de 2020, com as quais se pretende que a população esteja em isolamento domiciliar, medida cuja eficácia na prevenção ao contágio do novo coronavírus (causador da COVID-19) foi atestada e tem sido reiteradamente recomendada pela Organização Mundial da Saúde – OMS, fundamentada em argumentos médicos e científicos.

O isolamento domiciliar é reconhecido por diversos outros países como medida eficaz no enfrentamento da referida pandemia. As consequências para os países que não respeitaram o isolamento se revelaram nefastas, com o crescimento ascendente do número de mortes.

Enquanto tais medidas não forem cumpridas fielmente pela população, parece inevitável que os já assustadores registros de 92 (noventa e duas) mortes e 3.417 (três mil, quatrocentos e dezessete) casos confirmados da COVID-19 no Brasil (dados oficiais publicados na tarde de ontem, 27/03, pelo Ministério da Saúde) continuem crescendo exponencialmente.

Destaque-se, ainda, não ter sido à toa a drástica redução, no intervalo de apenas quatro dias, do número de pessoas reunidas que configuram uma “aglomeração”, nos termos dos dois decretos estaduais editados: o primeiro, dando conta de que a reunião de mais de 50 pessoas  caracterizaria aglomeração (art. 17 do Decreto nº 29.541/2020) sendo reduzido para mais de 20 pessoas (art. 1º do Decreto nº 29.556/2020).

Assim, NÃO é o momento para passeatas, carreatas e outras formas de aglomeração. A limitação decorre da gravidade da crise sanitária em que se inserem o Brasil e o mundo. A população do Rio Grande do Norte não pode se descuidar. Devemos nos manter atentos às exigências de isolamento social, ditadas por especialistas sanitários que querem evitar, no Brasil, o que infelizmente já se confirmou em países como China, Itália e Estados Unidos: a dizimação em massa de pessoas acometidas pela doença.

Reforce-se que, mesmo para o rol de estabelecimentos autorizados a funcionar (serviços públicos e privados essenciais, mercados, supermercados, farmácias, drogarias e similares, entre outros) são exigidas medidas de proteção aos funcionários, clientes e colaboradores, a exemplo do distanciamento de 1,5 a 2 m entre cada pessoa e da adoção, quando possível, do sistema de escala, com alteração de jornadas e revezamento de turnos, tudo isso para reduzir o fluxo e a aglomeração de pessoas (art. 6º do Decreto nº 29.556/2020).

Os decretos estaduais precisam ser cumpridos. É essencial evitar-se aglomerações de qualquer espécie. A luta, nesse momento, deve ser apenas contra o vírus. Em casa e com saúde, seremos muito mais fortes para, quando tudo isso passar, reivindicarmos direitos e revertermos inevitáveis prejuízos herdados por essa crise mundial sem precedentes na história recente da humanidade.

Natal, 28 de março de 2020.

CIBELE BENEVIDES GUEDES DA FONSECA

Procuradora-Chefe – Ministério Público Federal no Rio Grande do Norte           

EUDO RODRIGUES LEITE

Procurador-Geral de Justiça – Ministério Público do Estado do Rio Grande do Norte

DES. JOÃO REBOUÇAS

Presidente do Tribunal de Justiça do Estado do  Rio Grande do Norte

CARLOS WAGNER DIAS FERREIRA

Juiz Federal Diretor do Foro da Justiça Federal no Rio Grande do Norte

MARCUS VINICIUS SOARES ALVES

Defensor Público-Geral do Estado do

Rio Grande do Norte XISTO TIAGO DE MEDEIROS NETO

Procurador-Chefe do Ministério Público do Trabalho no Rio Grande do Norte

POTI CAVALCANTI JUNIOR

Presidente do Tribunal de Contas do Estado do   Rio Grande do Norte

Asserc reivindica que Feira de Animais de Caicó passe a funcionar a partir de sábado (04) no Parque de Exposições

A Associação de Criadores do Seridó solicitou da Prefeitura de Caicó e da Secretaria Estadual de Agricultura que, já a partir do próximo sábado, dia 04 de abril a Feira de Animais da cidade passe a funcionar no Parque de Exposições Monsenhor Walfredo Gurgel. De acordo com Dênio Alves, administrador temporário da Associação, o espaço…Leia mais

Sem a presença de público, paróquias da Diocese de Caicó farão Momento de Oração, de forma simultânea no dia 03 de abril

O Bispo da Diocese de Caicó, Dom Antônio Carlos Cruz está convocando todo o povo de Deus presente nas paroquias da região do Seridó para um momento comum de oração. A data escolhida será 03 de abril, primeira sexta-feira do mês com a seguinte programação:

  • 18h: Adoração e Bênção do Santíssimo Sacramento
  • 19h: Eucaristia

A recomendação da Diocese é de que os padres presidam esses dois momentos em suas respectivas paróquias, sem a participação dos fiéis, mas transmitindo pelos meios de comunicação social e pelas redes sociais. Assim numa mesma hora toda a Diocese estaria em comunhão, adorando o Santíssimo e celebrando a Eucaristia. A decisão foi tomada por Dom Antônio e todo o Conselho Presbiteral.

Governo alerta para sanções em caso de descumprimento de decreto e Ministério Público pede providências

O Governo do Estado comunica à população do Rio Grande do Norte que é imperativo o cumprimento do decreto estadual n. 29.541/2020 que define medidas restritivas temporárias, de importância internacional, para o enfrentamento ao Covid-19. Neste momento há carreatas nas ruas da capital que incitam de forma irresponsável o retorno das pessoas às ruas e…Leia mais

STJ manda soltar presos que devem fiança no Espírito Santo

O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Sebastião Reis Júnior determinou a soltura de todos os presos do estado do Espírito Santo cuja liberdade provisória tenha sido condicionada ao pagamento de fiança e que ainda se encontrem na prisão. Segundo o ministro, na crise provocada pela pandemia do novo coronavírus, condicionar a liberdade dos…Leia mais

Governador decide reabrir lotéricas e lojas de conveniência no Distrito Federal

O governador Ibaneis Rocha (MDB), após ponderar ao longo do dia sobre o tema, decidiu publicar decreto que permite o funcionamento de lotéricas, correspondentes bancários, lojas de conveniência e minimercados em postos de combustíveis do DF. Segundo confirmou a assessoria do governador ao Correio, no início da noite desta sexta-feira (27/3), a publicação do novo decreto deve ocorrer na edição de sábado…Leia mais

Coronavírus: Mais da metade das pessoas infectadas no DF estão recuperadas

Durante coletiva à imprensa desta sexta-feira (27/3), a Secretaria de Saúde informou que metade dos pacientes diagnosticados com o novo coronavírus no Distrito Federal, 120 pessoas, estão recuperadas da doença. Segundo o subsecretário de Vigilância Sanitária, Eduardo Hage, o período para que os diagnosticados deixem de apresentar sinais da doença é de 14 dias. Boletim mais…Leia mais

Justiça suspende campanha do Governo Federal contra isolamento social

A Justiça Federal do Rio de Janeiro determinou, em caráter liminar, que o governo federal deixe de veicular em meios de comunicação a campanha publicitária “O Brasil não pode parar”, que defende a suspensão do isolamento social como estratégia para o combate à covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. A medida foi pedida ontem pelo MPF…Leia mais

UERN define início do semestre letivo na próxima terça-feira

A Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) encerra neste sábado (28) o semestre letivo 2019.2. Devido à suspensão das atividades presenciais na Instituição como forma de prevenção à disseminação do coronavírus, o encerramento das atividades se deu de forma remota, utilizando recursos tecnológicos. Na próxima terça-feira (31), a Universidade volta a se…Leia mais

‘Não existe essa hipótese’, disse o secretário-executivo do Ministério Saúde sobre mudar orientações

O secretário-executivo do Ministério da Saúde, João Gabbardo dos Reis, disse que, as recomendações feitas pelo presidente Jair Bolsonaro não mudam as orientações dadas pela pasta no combate ao novo coronavírus. Segundo ele, o ministério continuará aconselhando que as pessoas diminuam a circulação nas ruas e evitem as aglomerações como forma de reduzir o risco…Leia mais

Governo Federal zera impostos de 61 produtos usados no combate ao coronavírus

A Câmara de Comércio Exterior (Camex) do Ministério da Economia zerou, na quarta-feira (25), as tarifas de importação de mais 61 produtos farmacêuticos e médico-hospitalares utilizados no combate à Covid-19. Durante reunião virtual do Comitê-Executivo de Gestão da Camex (Gecex), também foi decidida a suspensão temporária, por razões de interesse público, dos direitos antidumping aplicados…Leia mais

Hemocentros de todo o Brasil continuam abertos para receber doadores de sangue durante pandemia

A demanda por transfusões de sangue e produtos hemoderivados continua, mesmo frente à emergência de saúde pública de importância internacional em decorrência do coronavírus (Covid-19). Para manter os estoques e a rede abastecida de sangue, o Ministério da Saúde orienta a população que as doações devem continuar acontecendo neste momento em que o país registra…Leia mais

Pandemia gera 1,3 mil denúncias de violações de direitos no Brasil

Durante a emergência de saúde pública de importância internacional em decorrência do coronavírus (Covid-19), o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH) tem recebido denúncias de violações aos direitos humanos decorrentes da pandemia. Entre os dias 14 e 24 de março, foram registrados 1.369 relatos no Disque 100 e no Ligue 180….Leia mais

Senado deve votar na segunda pagamento de auxílio emergencial de R$ 600

Os senadores devem votar, na segunda-feira (30), às 16h, projeto que estabelece o pagamento de um auxílio emergencial no valor de R$ 600, por três meses, a pessoas de baixa renda (PL 9.236/2017 na Câmara). A medida, que ainda não chegou ao Senado, será deliberada por meio de sessão remota. Também na segunda-feira, às 10h, vai haver…Leia mais

Mais de 89 mil declarações do IRPF 2020 foram recebidas no RN

O contribuinte deve estar atento ao extrato de processamento da sua Declaração já entregue.  Até às 11:50 horas de hoje (27/03), já foram entregues 7.691.366 declarações a nível nacional e 89.477 (atualização minuto a minuto) declarações foram recebidas pelos sistemas da Receita no RN, que representam 1,16% do total Nacional. O prazo de entrega da…Leia mais

Mercados da Ceasa-RN trabalham com entregas em domicílio

Com a situação atual de emergência causada pela pandemia do novo coronavírus (COVID-19) no Rio Grande do Norte e com as recomendações sanitárias de combate e prevenção a doença, entre elas o isolamento social e a recomendação de evitar o máximo sair de casa, a Central de Abastecimento do Rio Grande do Norte (Ceasa-RN) disponibiliza…Leia mais

70% da indústria de eletroeletrônicos sofrem com falta de insumos no país

Por conta da crise mundial causada pelo novo coronavírus, 70% das indústrias brasileiras do setor eletroeletrônico enfrentam problemas para manter a produção. O principal problema, aponta levantamento da Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee), é a falta de materiais, componentes e insumos que eram importados da China. Os fabricantes de produtos de Tecnologia…Leia mais

Prefeitura de Natal antecipa pagamento integral da folha de março

A Prefeitura de Natal pagou nesta sexta-feira (27), de forma antecipada e dentro do próprio mês trabalhado, os salários de março aos servidores públicos municipais ativos, inativos e pensionistas de todas as categorias. As informações com os créditos bancários serão lançadas à instituição financeira responsável pelo pagamento ao longo do dia, e o funcionalismo poderá…Leia mais

Escola Multicampi de Ciências Médicas fará atendimento psicológico remoto para estudantes

A Escola Multicampi de Ciências Médicas (EMCM/UFRN) informa aos estudantes usuários do Serviço de Psicologia que irá manter o atendimento psicológico, por via remota,  enquanto perdurar a suspensão de atendimentos presenciais. A suspensão na modalidade presencial ocorreu em decorrência das medidas sanitárias adotadas no âmbito da UFRN,  por causa da Covid-19. A ECMC ressalta a…Leia mais

Consórcio Nordeste: governadores reforçam que mantêm medidas de isolamento social

A governadora Fátima Bezerra participou nesta sexta-feira (27) de uma videoconferência com todos os governadores da região, que integram o Consórcio Nordeste. Em carta, os chefes dos executivos estaduais comunicaram que decidem manter as medidas de isolamento social como forma de conter a propagação do novo coronavírus, mesmo contrariando a campanha publicitária lançada pelo Governo…Leia mais

Nordeste tem tempo nublado com chuva neste sábado (28)

A região Nordeste do país tem, neste sábado (28), tempo nublado a parcialmente nublado com pancadas de chuva isoladas. As exceções são o sul e o oeste do Maranhão, que têm tempo nublado a encoberto com chuva.    A temperatura mínima na região é de 16ºC e a máxima de 35ºC. Já a umidade relativa…Leia mais

Durante Coronavírus, Ministério Público Estadual vai receber denúncias através do aplicativo Whatsapp

Foi publicado no Diário Oficial deste sábado (29), ato da Procuradora-Geral de Justiça com medidas temporárias de enfrentamento ao coronavírus no âmbito do Ministério Público Estadual do Rio Grande do Norte. De acordo com a Resolução Nº 023/2020, as Promotorias de Justiça poderão receber reclamações, denúncias, notícias e documentos por intermédio de conta no aplicativo…Leia mais

Justiça proíbe Jair Bolsonaro de adotar medidas contra isolamento

A Justiça Federal proibiu, na tarde desta sexta-feira (27), o governo federal de adotar medidas contrárias ao isolamento social como forma de prevenção da covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. Também suspendeu a validade de dois decretos editados pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) que classificaram igrejas e casas lotéricas como serviços essenciais, o que permitia seu funcionamento mesmo…Leia mais

Além da Feira Livre e do Açougue, Mercado Público de Caicó também volta a funcionar neste sábado (28)

O prefeito de Caicó, Robson de Araújo (Batata), através do decreto Nº 750 de 27 de março de 2020, destaca a adoção de medidas imprescindíveis à reabertura da Feira Livre Semanal no Município de Caicó, à manutenção dos serviços prestados no Açougue Público Municipal e do Mercado Público Municipal e da outras providências. A reabertura…Leia mais

Sobe para 72 o número de casos suspeitos de Coronavírus monitorados pelo Hospital Regional do Seridó

Subiu para 72 o número de casos suspeitos para Coronavírus monitoradores pelo Hospital Regional do Seridó. Enquanto isso sete casos foram descartados, e 03 permanecem internados no Regional. Os demais estão em isolamento domiciliar nas cidades de Caicó, São Fernando, Marcelino Vieira, São José do Seridó, Jardim de Piranhas, Apodi,  Santana dos Matos e Jardim do Seridó.

Em nota, Casa do Empresário recomenda que comércio caicoense retome atividades, porém seguindo orientações da OMS e dos governos

A Casa do Empresário de Caicó, formada pela CDL, ASISC e SindVarejo emitiu nota nesta sexta-feira (27) orientando que os seus associados retomem as atividades comerciais,  já à partir deste sábado (28) porem seguindo todas as orientações da Organização Mundial da Saúde e dos decretos federais, estaduais e municipais.

Vamos a nota:

A Casa do Empresário vem a público ressaltar seu papel como entidade de classe que tem como objetivo, através do associativismo, estimular o consumo e o desenvolvimento econômico de Caicó e região.

Diante da pandemia do novo coronavírus que também atinge o nosso estado, reforçamos a preocupação com a saúde da população, acima de qualquer outro interesse. Entendemos o quadro atual e suas consequências diretas às rotinas sociais e financeiras de todos.

Nesse contexto, orientamos os nossos associados a retomarem suas atividades, seguindo todas as orientações da Organização Mundial da Saúde e dos decretos federais, estaduais e municipais. Assim, garantimos emprego e renda para os caicoenses, amenizando os impactos econômicos, ao mesmo tempo em que preservamos o bem-estar e a segurança de clientes e colaboradores.

Destacamos que cabe a nós informar e promover a discussão de assuntos que interfiram na economia da cidade; no entanto, não possuímos poderes para determinar abertura ou fechamento do comércio, já que este é regulado pelas leis nacionais, estaduais e municipais, assim como pelas convenções coletivas de trabalho.

Lembramos que cada estabelecimento, formal ou informal, é importante para o nosso desenvolvimento. Para manter uma economia forte e sustentável, devemos enfrentar os desafios atuais e os que estão por vir. Por isso, convocamos todas as instituições, autoridades e cidadãos para que façam a sua parte.

Quanto mais nos prevenirmos, mais cedo passaremos por essa situação delicada e voltaremos a contribuir para o crescimento da nossa tão querida cidade.

CDL – Câmara dos Dirigentes Lojistas de Caicó
ACISC – Associação Comercial, Industrial e Serviços de Caicó
SINDVAREJO – Sindicato do Comércio Varejista de Caicó

Papa reza missa sozinho e dá benção extraordinária

O papa Francisco realizou nesta sexta-feira (27) a bênção extraordinária Urbi et Orbi, geralmente feita apenas no Natal e na Páscoa, para apelar pelo fim da pandemia do novo coronavírus (Sars-Cov-2). Além disso, concedeu indulgência plenária, ou seja, o perdão dos pecados, aos fiéis. Na praça de São Pedro vazia, já que o Vaticano fechou…Leia mais

Pastor que chamou coronavírus de histeria morre da doença nos EUA

O pastor e músico norte-americano Landon Spradlin, de 66 anos, morreu na quarta-feira (26) de covid-19 nos Estados Unidos. Dias antes de apresentar os sintomas da doença, ele chamou o novo coronavírus de “histeria coletiva” e chegou a compartilhar informações falsas sobre o assunto. As informações são do jornal ABC. Para Spradlin, a covid-19 não era tão…Leia mais

Prefeitos ameaçam culpar Bolsonaro por fim de isolamento

Em carta ao presidente Jair Bolsonaro, prefeitos questionam o governo federal sobre a campanha “O Brasil não pode parar” e ameaçam ir à Justiça para responsabilizar o chefe do Planalto por consequências da mudança no isolamento social durante a pandemia da covid-19. O governo federal lançou uma campanha chamada “O Brasil não pode parar” para defender a flexibilização do…Leia mais

Governo financiará salário de funcionário de pequenas e médias empresas com R$ 40 bilhões em crédito

O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, anunciou nesta sexta-feira a criação de uma linha de crédito para pequenas e médias empresas quitarem suas folhas de pagamento durante dois meses. O dinheiro será emprestado pelos bancos, mas o financiamento foi articulado pelo governo federal. O anúncio foi feito com a presença do presidente Jair…Leia mais

Depois de 46 anos, médica obstetra Inês Guerra se despede dos plantões do Hospital do Seridó

A médica obstétrica Maria Inês Guerra deu seu último plantão no Hospital do Seridó nesta quinta-feira (26). Depois de 46 anos à frente dos plantões do Hospital decidiu descansar e cuidar da saúde.

Já estou aposentada pelo INSS há mais de 10 anos e pelo Estado há 2 anos. Resolvi ficar no plantão da obstetrícia sem vínculo. Passei uns dois anos e depois comecei a perceber que já tinha cumprido minha missão e era hora de deixar para os mais novos”, explicou ao Blog do Marcos Dantas.

A médica que nasceu em Parelhas e veio morar em Caicó quando tinha seis anos de idade perdeu as contas de quantas crianças vieram ao mundo pelas suas mãos. “Basta você multiplicar aí uma média de 20 a 30 crianças por mês desde 1974”, brincou.

No seu último dia de plantão, Dra. Inês Guerra acabou recebendo uma homenagem de seus colegas médicos e alguns enfermeiros. A ideia da festa surpresa foi do amigo de longas datas e diretor-clínico do Hospital do Seridó, médico José Fernandes que fez um desabafo emocionante. Além dele outros colegas de trabalho também fizeram questão de expressar palavras de gratidão a médica.

Confira o vídeo da homenagem de despedida a médica