RN entre o cinco Estados que têm mais 90% dos leitos de UTI ocupados

O destaque é Folha de S. Paulo: Amapá, Pernambuco, Acre, Rio Grande do Norte e Maranhão enfrentam o cenário mais crítico no Brasil. Enquanto governadores e prefeitos anunciam medidas de abertura da economia e flexibilização do isolamento social, cinco estados têm um nível de ocupação acima de 90% dos leitos de terapia intensiva para o…Leia mais

Lei da Ficha Limpa completa 10 anos e deixa legado de ‘candidatos-laranja’

Após sanção da Lei da Ficha Limpa, cuja sanção completa dez anos nesta quinta-feira (4), políticos com candidaturas negadas têm desistido da disputa e indicado como substitutos seus cônjuges, parentes ou pessoas às quais o eleitor possa associar a eles. O episódio mais célebre aconteceu nas eleições presidenciais de 2018, quando o ex-presidente Luiz Inácio…Leia mais

Sérgio Moro desafia delator que acusa seu amigo e se diz ‘indignado’ com PGR

O ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, se disse ‘perplexo’ e ‘indignado’ com a decisão do Ministério Público Federal de retomar as tratativas para acertar um acordo de delação que pode prejudicar o advogado Carlos Zucolotto, seu amigo pessoal. Para Moro, há em curso uma tentativa de atacá-lo após sua saída do governo….Leia mais

Fake News: Direção do Hospital Regional de Caicó nega ter recebido álcool misturado a areia

Circula nas redes sociais um vídeo onde suposta profissional de saúde denuncia a doação de várias caixas de álcool em gel para uma Casa de Saúde. No vídeo cada caixa conta apenas com dois frascos de álcool misturados a areia.

Algumas postagens fazem referências de que as caixas teriam sido doadas pelo Governo Federal ao Hospital Regional de Caicó, porem em contato com o Blog do Marcos Dantas a diretora Maura Sobreira deixou claro que o Hospital não recebeu qualquer doação do material descrito no vídeo, e principalmente com as características apresentadas na denúncia. “O álcool que o Estado está enviando não é desse e nem em caixas assim”, explicou Maura.

Decreto determina proibição de fogueiras em Caicó

O Município de Caicó publicou nesta quarta-feira (03), o decreto Nº 778, que dispõe medidas adicionais e temporárias de combate a pandemia do novo coronavírus (covid19) durante o Período Junino, e dá outras providências. Pelo decreto, fica proibido, em todos os espaços públicos e privados da zona urbana e rural deste Município, durante o mês…Leia mais

Vacina contra covid-19 desenvolvida em Oxford será testada no Brasil

A vacina contra a covid-19 que está sendo desenvolvida na Universidade de Oxford, no Reino Unido, será testada também no Brasil, conforme publicação na noite desta terça-feira, 2, no Diário Oficial da União. Considerado um dos mais promissores, o imunizante já está na fase três de testes, em que dez mil pessoas serão testadas para…Leia mais

Governadora do RN envia Projeto de Lei para antecipar feriados estaduais

A governadora Fátima Bezerra enviou ao presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, Ezequiel Ferreira, o Projeto de Lei que autoriza o Poder Executivo a antecipar, anualmente, por decreto, os feriados estaduais instituídos por lei.

O Projeto de Lei, se aprovado, será válido enquanto perdurar o estado de calamidade pública em razão da grave crise de saúde pública decorrente da pandemia de covid-19. A Lei permitirá a antecipação de feriados estaduais, como por exemplo o dos Mártires de Uruaçu e Cunhaú, comemorado dia 3 de outubro.

O projeto foi enviado nessa terça (2) com a mensagem da Governadora que solicitou urgência na tramitação e aprovação da Lei que, de acordo com ela, será uma ferramenta importante no cumprimento do isolamento social, visto que o Estado ainda está com um índice de isolamento abaixo dos 70%, considerado ideal.

“A antecipação de feriados poderá incentivar a adesão da população ao cumprimento das regras de isolamento social. Ademais, após o fim do estado de calamidade, cada dia útil fará diferença para a recuperação econômica e social do Estado, em busca da retomada da produtividade econômica”, disse a Governadora.

 

Pré-candidatos à prefeitura de Acari intensificam contato com populares através de lives

Enquanto a campanha política não começa alguns pré-candidatos à prefeitura de Acari tem intensificado o contato com a população através das lives.

Quase que diariamente o advogado Fernandinho Bezerra, nome apoiado pelo prefeito Isaias, além do empresário Gilson Bezerra e Juarez Alves são vistos entrevistando acarienses presentes e ausentes nas mais variadas plataformas digitais.

Auditor fiscal confirma pré-candidatura pelo PCdoB e participa de lançamento do Movimento 65 em Natal

Com o objetivo de concorrer à Prefeitura de Natal no pleito eleitoral desse ano pelo PCdoB, o auditor fiscal e engenheiro Fernando Freitas pediu licenciamento do Sindicato dos Auditores Fiscais do Rio Grande do Norte (Sindifern) nesta quarta-feira (3), ao qual exerce o cargo de diretor de Formação Sindical/Relações Intersindicais da entidade. Fernando tem 57…Leia mais

Casos Confirmados de Covid-19 aumentam 107% nos últimos 7 dias em Caicó

Caicó registrou até o dia 02/06 91 casos da Covid-19, o que representa um aumento de 107% nos últimos 7 dias e uma média de 6,7 casos por dia nesse período.

Comparando a curva de evolução de casos de Caicó e comparando com as de Natal e Mossoró, desde o início da infecção em cada município, observa-se que a curva de Caicó supera as de Natal e Mossoró a partir do 31º, mantendo essa tendência.

No 43º dia da infeção em Caicó temos uma taxa de 1,34 casos por mil hab, enquanto Natal e Mossoró tinham 0,41 e 0,66, respectivamente, no mesmo período.

Acari tem o pior índice de transparência dos gastos com Covid-19

Com apenas 150 pontos, Acari tem o pior índice de transparências dos gastos com Covid-19. O Município atingiu 50 pontos no critério Saúde do Portal, 0 pontos na Qualidade dos dados do Portal, 0 pontos na Usabilidade do Portal e 100% na disponibilidade do portal.

Ranking que apontou Serra Negra do Norte como melhor índice de transparência foi do dia 29 de maio. Município já caiu para a 6ª posição no Seridó

Serra Negra do Norte já não é dona do melhor índice de transparência de gastos com Covid-19 do RN e nem do Seridó. Sua nota 375 foi alcançada na última sexta (29), dia em que a notícia foi lançamento da ferramenta foi divulgada pelo Ministério Público do RN.

Em pesquisa feita pelo Blog do Marcos Dantas e filtrando apenas os municípios do Seridó, Serra Negra do Norte viu sua nota cair de 375 para 322 e saiu de primeiro colocado para a sexta posição. De acordo com informações colhidas pelo Blog junto ao MP as notas mudam diariamente, dependendo da alimentação dos portais feita pelos próprios municípios.  

A equipe do Laboratório de Ciência de Dados do Gaeco desenvolveu crawlers (robôs) que varrem três vezes ao dia os portais da transparência dos Municípios, sendo criado um ambiente de monitoramento a partir dos dados coletados.

Confira as melhores notas em termos de transparência dos gastos com Covid-19 da Região do Seridó

Serra Negra do Norte tem a melhor transparência dos gastos com Covid-19 do Rio Grande do Norte

O Ministério Público do Estado do Rio Grande do Norte (MPRN) desenvolveu um sistema capaz de verificar os Portais de Transparência dos Municípios, de forma automatizada e perene, acompanhando a execução orçamentária especialmente dos gastos com ações de serviço de saúde e de combate ao novo coronavírus (Covid-19). O sistema Confúcio foi pensado e implementado…Leia mais

Município de Caicó anuncia flexibilização no funcionamento do comercio a partir de segunda-feira (08)

Após ter se reunido com técnicos da Secretaria de Saúde e de ter recebido uma delegação de empresários, o prefeito Batata anunciou que o próximo decreto vai trazer algumas flexibilizações no funcionamento do comércio, a partir da próxima segunda (08). Até lá permanece valendo o decreto publicado na última sexta-feira. 

Confira algumas novidades do futuro decreto, que passa a valer na segunda (08):

– Retorno da feira livre com duas bancas por comerciante;
– Camelô vai poder colocar sua banca na rua, apenas uma banca por camelô;
– Mercado Público volta a funcionar com controle de entrada de 10 a 15 pessoas
– Restaurantes poderão entregar comida na porta do estabelecimento, por enquanto não será autorizado que clientes frequentem o interior deles.
– Todas as lojas poderão funcionar através de entrega de delivery

Prefeito de Cruzeta explica como vem conseguindo enfrentar a Covid-19 sem precisar determinar restrição ou fechamento do comércio

Em entrevista ao Panorama 95 desta quarta-feira (03) o prefeito de Cruzeta, José Sally de Araújo explicou como vem enfrentando a pandemia de Coronavírus em seu município.

Na entrevista, Sally disse que com a consciência da população e segmento empresarial até agora não precisou determinar restrição alguma ao funcionamento do comércio. No início da entrevista ele falou do decreto que proibiu fogueiras neste mês junino na cidade.

Confira a entrevista

3 milhões de curados da Covid-19 no mundo

O número de pessoas que já se curaram da Covid-19 ultrapassou os 3 milhões em todo o mundo. Segundo dados do site Worldometers, já são 3.089.706 pessoas que se recuperaram da doença após terem contraído o novo coronavírus. O total de casos confirmados da doença é de mais de 6,4 milhões (6.484.005). Até o momento,…Leia mais

Família que se curou da Covid-19 recebe alta domiciliar em Cruzeta

Agora simmmmm! Livres do coronavírus! Alta domiciliar! Agradeço aqui a Secretaria de saúde Juliane Goes em nome de toda a equipe de saúde de Cruzeta pelo carinho e cuidado com a nossa família. Foram dias difíceis que passamos, mas Deus é misericordioso, ele ouviu as nossas orações e as de vocês também.

Deus nos concedeu saúde e força para passarmos por tudo isso. Estamos imensamente felizes com a nossa cura e ansiosos para voltar a nossa rotina. Agradecemos a todos que rezaram pela nossa família, aos nossa familiares e amigos pelas mensagens de apoio e solidariedade!

Juscely Goes e família

Secretária-Adjunta do Gabinete Civil sai em defesa da governadora e insinua que prefeito de Natal “teve aula com Bolsonaro”

A secretária-adjunta do Gabinete Civil do Governo do RN, Samanda Alves usou suas redes sociais para sair em defesa da governadora Fátima Bezerra, criticada pelo prefeito de Natal Álvaro Dias em entrevista a Tribuna do Norte.

 

Mourão critica STF e estimula repressão a protestos

O vice-presidente Hamilton Mourão desistiu de bancar o moderado do governo Bolsonaro. Em artigo publicado nesta quarta-feira, o general distribui ataques à oposição, à imprensa e ao ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal. Mourão começa o texto, publicado no jornal “O Estado de S. Paulo”, com um duro ataque aos protestos pela democracia…Leia mais

Caicó: Prefeitura normatiza a destinação do produto das podas realizadas por particulares no âmbito municipal

O Município de Caicó, através do decreto Nº 776 de 02 de junho de 2020, dispõe sobe o recolhimento de podas realizadas por particulares. Pelo decreto, o particular que realizar, direta ou por contratação de serviço, poda em árvore em árvore situada no limite de imóvel de sua titularidade, é incumbido de providenciar a destinação de seu produto (galhos e folhagens). Em caso o particular não dispor de espaço próprio para a destinação do produto, poderá utilizar os locais destinados a recolhimento indicados no Anexo I do presente decreto.

Em caso a poda tenha sido realizada por empresa fornecedora de internet, telefonia, energia elétrica e afins, fica esta obrigada às condições do caput do presente artigo. O Recolhimento do produto das podas depositadas nos locais indicado no Anexo I, será realizado semanalmente, em calendário indicado pela Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Urbanos.

Em caso de descumprimento do art. 1º do presente Decreto, o ente municipal procederá à notificação do responsável para, em 24h (vinte e quatro horas) o recolhimento do material. Em caso de não atendimento do artigo anterior, o ente municipal procederá o recolhimento do material e, imediatamente, será aplicada ao responsável a multa prevista no art. 220 c/c inciso III, do art. 217, ambos da Lei 4.722/2014, em valor fixo de R$ 300,00 (trezentos reais).

LOCAIS DESTINADOS A DEPÓSITO DE RESÍDUOS DE RAMOS E PODAS PARA RECOLHIMENTO PELO MUNICÍPIO – Compreende o Anexo I do referido decreto:
(Localidade e bairros Atendidos)

RUA LUIS MARIA DO NASCIMENTO (CASTELO ENGADY)
● Soledade
● João Paulo II

RUA ITANS
● Nova Descoberta
● Santa Costa
● Canutos e Filhos

RUA MANOEL GONÇALVES DE MELO (ALTO DO URUBU)
● Walfredo
● Barra Nova

RUA EDIMILSON R. DE PAULO (LATERAL DO PARQUE DE EXPOSIÇÃO)
● Conjunto IPE
● Castelo Branco
● Vila Altiva
● Penedo
● Jardim Satélite

RUA PROJETADA (LATERAL IFRN)
● Nova Caicó

RUA JÚLIA MEDEIROS (POR TRÁS DO CEMITÉRIO CAMPO JORGE) ● Boa Passagem
● Centro
● Acampamento
● Darcy Fonseca

RUA ONEIDE MARIA MATIAS (VOLTA DO CAMPO – LATERAL DO MARIZÃO)
● Samanaú
● Alto da Boa Vista
● Salviano Santos

RUA CHILON HERACLITUS DE ARAÚJO (NA SANTA)
● Adjunto Dias
● João XXIII

MARGEM BR 427 (CAMPO DA APUC)
● Itans
● Maynard
● Carlindo Dantas

RUA JOÃO DINIZ (POR TRÁS DA ESCOLA MONS. WALFREDO GURGEL)
● Paraíba

Coronavírus já alcançou 85% dos municípios no Rio Grande do Norte

Levantamento do projeto Dinâmicas ambientais, risco e ordenamento do território da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) observou que, até o dia 29 de maio, apenas 26 dos 167 municípios do Rio Grande do Norte não registram casos de pacientes com Covid-19. A informação foi publicado no jornal Agora RN. As regiões metropolitana…Leia mais

TRE condena prefeito de Carnaubais, Thiago Meira por conduta indevida em campanha eleitoral

O Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN) condenou, à unanimidade, o prefeito de Carnaubais, Thiago Meira (PL), a pagar multa por conduta indevida durante o período de campanha das Eleições de 2018, em uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral proposta pela Procuradoria Regional Eleitoral. E o voto do relator, Desembargador Cornélio Alves,…Leia mais

Au­di­to­ria: Nú­me­ro de con­ces­sões do auxílio foi bem mai­or do que o es­ti­ma­do

Ainda de acordo com a reportagem d’O Estado de S. Paulo, um re­la­tó­rio do Tri­bu­nal de Con­tas da União (TCU) aler­ta pa­ra o ris­co de 8,1 mi­lhões de bra­si­lei­ros te­rem re­ce­bi­do in­de­vi­da­men­te o au­xí­lio emer­gen­ci­al de R$ 600, pa­go a tra­ba­lha­do­res in­for­mais, autô­no­mos, mi­cro­em­pre­en­de­do­res e de­sem­pre­ga­dos que fi­ca­ram sem ren­da du­ran­te a pan­de­mia do no­vo…Leia mais

TCU diz que 8,1 mi­lhões po­dem ter re­ce­bi­do in­de­vi­da­men­te os R$ 600 do au­xí­lio emer­gen­ci­al

Re­la­tó­rio de acom­pa­nha­men­to do au­xí­lio emer­gen­ci­al fei­to pe­lo Tri­bu­nal de Con­tas da União (TCU) aler­ta pa­ra o ris­co de que 8,1 mi­lhões de bra­si­lei­ros te­nham re­ce­bi­do in­de­vi­da­men­te o au­xí­lio emer­gen­ci­al de R$ 600, cri­a­do pa­ra dar su­por­te a tra­ba­lha­do­res in­for­mais atin­gi­dos pe­la cri­se pro­vo­ca­da pe­la pan­de­mia da co­vid-19. Segundo reportagem d’O Estado de S. Paulo,…Leia mais

Fila do Bolsa Família ainda penaliza Norte e Nordeste

O Bolsa Família atendeu menos famílias nas regiões Norte e Nordeste em maio deste ano do que no mesmo mês de 2019, justamente no momento em que o governo avalia prorrogar o auxílio emergencial e economistas falam em criar uma renda básica permanente para reduzir as desigualdades sociais. Nas regiões mais ricas do país, o…Leia mais

Procurador-geral da República afirma que Constituição não prevê intervenção militar

O procurador-geral da República, Augusto Aras, divulgou nota nesta terça-feira (2) para afirmar que a Constituição não admite intervenção militar. Em entrevista ao apresentador Pedro Bial, da TV Globo, na noite anterior, o chefe do Ministério Público Federal disse que um Poder que invade a competência de outro perde suas garantias constitucionais e isso poderia…Leia mais

Ano letivo 2020 no RN deverá se estender até janeiro de 2021

Para tentar diminuir o impacto da suspensão das aulas no calendário letivo, Escolas e Universidades públicas anunciam medidas visando manter o ensino durante a quarentena. Na segunda-feira, 1º, a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), aprovou a regulamentação da oferta de atividades remotas. O Ministério da Educação (MEC), homologou e repassou aos Estados…Leia mais

Prefeito de Natal critica Governo Fátima Bezerra por omissão no combate ao Coronavírus

“O governo do Estado tem se omitido” (no combate ao Coronavírus)”. A afirmação é do prefeito de Natal, Álvaro Dias (PSDB),  e surge exatamente no momento que a governadora Fátima Bezerra (PT) convocou os prefeitos da Grande Natal para discutir medidas de reforço ao isolamento social.

Álvaro Dias argumenta que a falta de uma ação mais eficaz do governo – como a instalação de um Hospital de Campanha – é o que tem causado a sobrecarga nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) em Natal.

E cobra também – a exemplo da capital – um protocolo para o tratamento dos pacientes. Na entrevista concedida com exclusividade à TRIBUNA DO NORTE, Álvaro Dias se posiciona a favor das medidas de isolamento social, contra a recomendação de lockdown e fala sobre a influência da eleição municipal nesse debate em torno da pandemia.

Prefeito, que avaliação o senhor faz dessa proposta de pacto pela vida lançada pelo Governo do Estado?
Essa reunião do ‘Pacto pela Vida’ eu acho que deve ser discutida melhor para que cada um dos integrantes desse pacto possa assumir compromissos e ter uma atuação eficaz, efetiva, firme contra o Coronavírus na cidade de Natal e no Estado do Rio Grande do Norte. Acho que o Governo do Estado deveria ter uma atuação mais efetiva. Deveria fazer ou seguir o exemplo da Prefeitura de Natal que em 60 dias montou, instalou e equipou um Hospital de Campanha com 100 leitos de enfermaria para Coronavírus e 20 leitos de UTI. Com respirador, com monitor, com tomógrafo, com ultrassom, com oxímetro, com tudo que tem necessidade para que os pacientes possam ser bem assistidos. Acho que o Governo do Estado está devendo isso e por esse motivo também, talvez, as UPAs estejam sobrecarregadas e superlotadas como nós estamos vendo. Elas estão superlotadas de pacientes oriundos de interior, quando deveriam estar atendendo pacientes da cidade de Natal. As Unidades de Pronto Atendimento foram construídas para atender pacientes de Natal, mas estão atendendo pacientes do interior.

 Na sua avaliação o Governo está falhando em criar leitos no interior e em Natal para atender pacientes?
Acho que o Governo deveria instalar um Hospital de Campanha aqui em Natal e disponibilizar mais leitos. Porque o nosso Hospital de Campanha foi feito, foi equipado e instalado para atender a população da cidade de Natal e nós estamos sendo instados a atender pacientes do interior, que é o que está acontecendo nas UPAs. Natal tem 850 mil habitantes e temos mais de 1,5 milhão de cartões do SUS. O que mostra e comprova que pacientes do interior estão usando os serviços públicos de saúde de Natal, inclusive fraudando os cartões do SUS. Esse é um dos motivos da superlotação das UPAs e dos hospitais aqui em Natal. E acho que o Governo do Estado deveria, nessa crise, nessa calamidade, ter o seu próprio Hospital de Campanha para atender os que estão vindo do interior.

Como prefeito, o senhor estuda alguma medida para que só sejam atendidos em Natal os pacientes que sejam realmente do município?
Olhe, a obrigação do município é assistir os pacientes do município. Os pacientes de fora devem ser amparados, assistidos, tratados pelos serviços públicos do Governo do Estado. Mas nós não podemos restringir o acesso dos pacientes que estão procurando as Unidades de Pronto Atendimento. Até porque se for negado esse atendimento, pode haver o questionamento jurídico com relação à omissão de socorro. Então, temos atendido e temos internado mesmo sabendo que os pacientes não são de Natal.

Se o senhor fosse governador hoje, que medida tomaria para resolver essa questão?
Everton… Pergunte à governadora.

Esta semana, o secretário George Antunes, (Saúde – Natal) cobrou manutenção das medidas de isolamento. E agora, nessa discussão do ‘Pacto pela Vida’ foram sugeridas medidas como fechamento das orlas e proibição da circulação de pessoas. O senhor vai adotar essas medidas em Natal?
George Antunes cobrou manutenção do isolamento social e eu também sou favorável. Sou favorável à manutenção do isolamento social. Eu acho que nós ainda não estamos preparados para flexibilizar. Inclusive, a Prefeitura está fazendo a parte dela. Estamos entrando nos transportes coletivos, distribuindo máscaras e álcool em gel, higienizando as paradas de coletivos, locais de grande circulação, equipes atuando dentro da cidade, montamos o Hospital de Campanha, que está recebendo os pacientes; discutimos com o Comitê Científico um protocolo para ser estabelecido para orientar o tratamento do coronavírus na cidade do Natal. Um protocolo que foi adotado pelo Conselho Regional de Medicina e também pela Secretaria Municipal de Saúde e estamos tomando todas as medidas plausíveis e necessárias para tratar e prevenir o coronavírus. Inclusive, estamos indicando – de acordo com o protocolo do Comitê Científico – medicamentos como profiláticos para prevenir o Coronavírus na cidade de Natal. Além de estarmos instituindo medidas terapêuticas, estamos instituindo medidas profiláticas para prevenir o coronavírus. E acho que o Governo do Estado tem se omitido com relação a essa questão. Quero cobrar aqui uma ação mais eficaz do Governo do Estado como a instituição de um protocolo de tratamento; a instalação e equipamento de um Hospital de Campanha para receber os pacientes do interior, para que não continue se sobrecarregando as Unidades de Pronto Atendimento de Natal e o Hospital de Campanha de Natal com pacientes do interior. Se isso não for feito, o Hospital de Campanha também será sobrecarregado com pacientes do interior. E nós queremos evitar que isso aconteça. É preciso que o Governo do Estado faça a parte dele.

O senhor avalia fechar o acesso à orla e reduzir a circulação de pessoas como medidas complementares a tudo isso que foi citado?
Essa determinação de fechar a orla foi elaborada, publicada e decidida pelo Governo do Estado. Então, o Governo do Estado tem aí os mecanismos de fazer cumprir o seu decreto. Mas além de procurar fazer cumprir o decreto, eu acho – volto a repetir – o Governo do Estado deveria agir de maneira mais ampla, instituindo medidas profiláticas e terapêuticas; disponibilizando medicamentos; disponibilizando protocolos; disponibilizando leitos de enfermaria e UTI para tratar o Coronavírus. Não apenas utilizar medidas restritivas de isolamento social, que devem continuar a existir. Nós não estamos preparados, ainda, para flexibilizar.

Mas a orla é uma questão do município. O senhor avalia ou não fechar?
Não. Não é do município. O Governo do Estado elaborou um decreto para o Estado todo. Então o Governo tomou essa decisão, o Governo procure colocar em prática o seu decreto. Nós vamos colocar em prática as medidas que já estamos implantado e que são muito mais amplas para prevenir e tratar o Coronavírus. Espero que o Governo do Estado possa proceder da mesma forma.

O Comitê Científico do Consórcio do Nordeste recomendou lockdown (“bloqueio total”) para Natal e Mossoró. Qual a sua opinião sobre isso?
Eu não concordo, não acho que tenha necessidade de um lockdown. Concordo que se mantenha o isolamento social. Mas o lockdown eu não concordo.  Como médico, como cidadão, como ser humano, como pessoa e como prefeito não acho que tenha necessidade – ainda – de um lockdown aqui em Natal.

Os posicionamentos que o senhor vem adotando têm sido influenciados pelo fato do senhor ser pretenso candidato à reeleição à Prefeitura?
Não. Até porque eu não decidi se sou candidato à reeleição. Poderei ser e poderei não ser. Tenho dito isso reiteradas vezes. As medidas que eu tenho adotado aqui na cidade de Natal eu tenho tomado como médico e tenho tomado como prefeito, orientado pelo Comitê Científico criado aqui e que tem infectologistas reconhecidamente competentes, como o médico Fernando Suassuna, Luiz Alberto Marinho e Eliana Lucia Tomaz do Nascimento. Médicos e outros colegas de profissão que fazem parte do nosso Comitê e que tem apresentado propostas e têm sido acatadas por nós para combater o Coronavírus na cidade de Natal. Tudo que eu tenho feito tem sido com base científica. Não tenho tomado decisões pensando em eleição até porque eu não decidi se sou ou não candidato. E estou agindo como cidadão, como prefeito, mas acima de tudo, como médico, por profissão e por vocação.

Se tudo continuar como está, o que o senhor pretende fazer para remediar essa questão das UPAs?
É difícil resolver a questão das UPAs. Porque as UPAs estão superlotadas com pacientes do interior. Eu volto a repetir: é preciso para evitar essa superlotação que o Governo do Estado tome as providências cabíveis e necessárias para tratar e cuidar dos pacientes do interior para evitar esse fluxo de maneira exagerada para Natal. Isso só vai acabar se o Governo do Estado tomar as providências que ele tem de tomar, como a instalação de um Hospital de Campanha para tratar esses pacientes egressos do interior do Estado. Se isso for feito, aí sim nós vamos ter uma ação mais eficaz por parte do Governo do Estado, um amparo melhor, e consequentemente uma situação mais regular para esses pacientes na cidade de Natal. Nós estamos fazendo todo o esforço humanamente possível para enfrentar o coronavírus na cidade de Natal.  Nunca trabalhei tanto na minha vida. Espero que todos nós – com a ajuda de Deus – possamos encontrar o caminho para superar essa pandemia tão grave.

O senhor pretende implantar alguma medida complementar para reforçar o isolamento social?
Nós estamos a favor da manutenção do isolamento social. Eu já disse e repito: todas as medidas possíveis e cabíveis que nós estudamos com o Comitê Científico, nós tomamos. E vamos continuar a agir assim. Inclusive estamos estudando a possibilidade de desde já aumentar os leitos do Hospital de Campanha. Mas fazendo questão de sugerir, lembrar, propor e solicitar que o Governo do Estado também faça o seu hospital de campanha para evitar a sobrecarga que o município de Natal está tendo com os pacientes oriundos e egressos do interior.