Jardim do Seridó

Empresário confirma versão de Amazan: “Foram 20 banheiros e dei descontos de 5 mil”


Quem conversou com o Blog do Marcos Dantas foi o empresário caicoense, Godofredo Fernandes. Foi sua empresa quem venceu a licitação de aluguel de banheiros químicos e tendas, para o Jardim Junino, evento realizado pela Prefeitura de Jardim do Seridó. Godofredo confirmou a mesma versão dada ao Blog pelo prefeito Amazan, de que foram alugados pelo Município a quantia de 20 banheiros químicos e 1 tenda, diferentemente do que denunciou o vereador Iron Júnior, quando defende que o Município pagou 22 mil reais por 10 banheiros e uma tenda.

  • “Todas as notas estão claras, foram dez diárias de 20 banheiros, o que dá 200 diárias, além de dez diárias de uma tenda. Como o valor foi significativo, no final ainda dei um desconto de 5 mil reais, e recebemos do Município a quantia exata de 17.400,00”, disse.

Amazan envia ao Blog comprovantes de que pagou 17 mil reais por 20 banheiros e tenda


Depois do presidente da Câmara Municipal de Jardim do Seridó, Iron Júnior enviar ao Blog do Marcos Dantas, uma cópia da nota de empenho do Portal da Transparência, para justificar sua denúncia de que o prefeito Amazan teria pago a quantia de 22 mil e 450 reais pelo aluguel de 10 banheiros químicos e 1 tenda, para os dez dias do Jardim Junino, agora é a vez de Amazan dar a sua versão.

E a exemplo de Iron, Amazan também envia ao Blog dois documentos: o primeiro deles a Nota Fiscal do Prestador de Serviços, a empresa G Fernandes Neto ME, com sede em Caicó, com valores de R$ 17.450,00, correspondentes a locação de uma tenda por 10 dias, com diária de 145 reais, e de 20 banheiros químicos, com daria de 80 reais. Pelos serviços descritos na nota, a prefeitura pagou 17.450,00 e não os 22 mil denunciados por Iron.

Amazan também enviou o comprovante bancário do pagamento feito a G Fernandes Neto ME, no valor de 17.450,00 no dia 18 de Julho de 2017. Ao Blog, Amazan justificou a diferença dos valores entre a nota de empenho e a paga. Ele disse ter conseguindo um desconto junto ao prestador de serviço, no valor de 5 mil reais.

 

Iron Júnior diz que fez denúncia em cima da nota de empenho do Portal da Transparência da Prefeitura


Em contato com o Blog do Marcos Dantas, o presidente da Câmara Municipal de Jardim do Seridó disse que as denúncias feitas por ele, de que a administração Amazan pagou a quantia de 22 mil reais por apenas 10 banheiros químicos foram retiradas da própria nota de empenho, que ele disse que teve acesso no Portal da Transparência do Município.

O vereador enviou ao Blog o anexo da nota. Segundo Iron o Município pagou a quantia de 21 mil reais pelo aluguel de 10 banheiros, durante os 10 dias do Jardim Junino, e R$ 1.450,00 pelo aluguel de uma tenda por 10 dias.

Amazan desafia Iron Júnior a quem estiver “mentindo” renunciar o próprio mandato


O prefeito de Jardim do Seridó, Amazan Silva desafiou o presidente da Câmara, Iron Júnior a desafiar que ele está praticando crimes de improbidade, ou lesando os cofres públicos. O desafio foi durante entrevista que Amazan concedeu, na manhã desta terça-feira (15) a Revista da Rural, na Rural AM de Parelhas. Iron Júnior chegou a sugerir, através da Live da entrevista pelo Facebook, que o prefeito respondesse sobre os lanches que foram licitados em local, e foram adquiridos em outros.

Eu não tenho culpa se a empresa terceirizou. Eu posso comprar a fulano, se ela ganhar a licitação e ela terceirizar e pegar com outra pessoa. Iron é inteligente e sabe disso”.

Amazan também demonstrou insatisfação com a postura de boa parte da Câmara Municipal de Jardim do Seridó, que de acordo com ele tem apenas o objetivo de inviabilizar a sua administração. “Com todo respeito a alguns vereadores, mas as sessões estão sem rumos e o objetivo de parte dos vereadores é um só, tornar Amazan inelegível”.

E terminou a entrevista fazendo um desafio a Iron Júnior, que se ele conseguir provar que Amazan fez, enquanto prefeito, pagamentos ilegais durante o Jardim Junino, renuncia o seu mandato.

Eu queria saber de onde foi que Iron tirou e viu que o Município pagou 22 mil reais de banheiros químicos no jardim Junino. Você deveria usar o espaço da Câmara para falar a verdade. Primeiro você diz que foram 10 banheiros químicos e que a prefeitura tinha pago 22 mil reais. Se você provar eu renuncio meu mandato hoje”.

Amazan justifica que, ao invés dos 10 banheiros químicos denunciados por Iron, o município contratou 20 (dez masculinos e dez femininos), e pagou por eles a quantia de 17 mil, 450 reais, e não os 22 mil divulgados pelo presidente da Câmara Municipal.

O vereador ainda não respondeu se aceita o desafio…

Confira a entrevista completa

Ministério Público investiga contratações temporárias e sem concurso em Jardim do Seridó


O Ministério Público de Jardim do Seridó instaurou inquérito civil para apurar denúncias de existência de ato de improbidade nas contratações temporárias, realizadas pela Prefeitura Municipal de Jardim do Seridó no início do ano de 2017, e a necessidade em se realizar concurso público.

ITEP emite mais de cem identidades para idosos em Jardim do Seridó


Do Blog de Sidney Silva – O Instituto Técnico-Científico de Perícia do Rio Grande do Norte (ITEP), através da sua unidade regional do Seridó, realizou no último sábado (5), mais uma ação do projeto Identificando Cidadania, que nesta etapa atendeu idosos da cidade de Jardim do Seridó, dando a eles a oportunidade de emitir seu documento de identidade.

Diante da necessidade de levar a emissão de identidades aos idosos daquela cidade, a equipe do ITEP se deslocou a um abrigo para realizar o trabalho. Segundo o diretor regional do instituto, Janilson César, nesta última ação foram emitidas mais de 100 carteiras de identidade em Jardim do Seridó. Além desta cidade, outras seis também já foram beneficiadas pelo projeto.

Na região, o ITEP possui dois pontos fixos para emissão de identidades, localizados nas cidades de Currais Novos e Caicó. “Às vezes as pessoas de outras cidades podem ter dificuldades para se deslocar até um desses pontos e por isso que ações essa são necessárias”, destaca o diretor.

Programa Criança Feliz chega ao município de Jardim do Seridó


A Prefeitura Municipal de Jardim do Seridó realizou nesta terça-feira, 08 de agosto, através da Secretaria de Assistência Social, um encontro com famílias que passarão a ser atendidas pelo Programa Criança Feliz do Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário do Governo Federal. A cidade passa a fazer parte das ações à primeira infância. A iniciativa atenderá 100 famílias jardinenses distribuídas na cidade e zona rural.

O trabalho terá acompanhamento semanal, quinzenal e mensal de grávidas e crianças até seis anos de idade que recebem o Bolsa Família e BPC.  Nos casos de crianças com deficiência e dos que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC), o acompanhamento se estenderá até os seis anos.  “O investimento na primeira infância resulta em adultos mais qualificados, saudáveis e capazes de melhorar a qualidade de vida”, afirmou a secretária Ana Maria.

Jardim do Seridó sediará palestra educativa sobre a mucopolissacaridose


A Prefeitura de Jardim do Seridó, através da Secretaria Municipal de Saúde, promove na próxima quarta-feira (9), uma palestra educativa sobre a mucopolissacaridose (MPS). O encontro vai ser realizado no auditório do Mestre Galinho, às 10h, e será conduzido pela palestrante Tatiana Oliveira, do projeto “Educando MPS”.

A doença é genética e provocada pela falta de uma proteína, o que acaba causando a disfunção celular. O resultado são danos e a atrofia em todos os órgãos do corpo. Na palestra, será explicado o que é, quais são os principais sintomas e as formas de tratamento. A doença afeta cerca de 1 indivíduo a cada 40.000 nascidos vivos, acometendo ambos os sexos igualmente.

Prefeitura de Jardim do Seridó deve encaminhar projeto de Lei à Câmara para regularizar permuta de bens imóveis


A Promotoria de Justiça da comarca de Jardim do Seridó recomendou à Prefeitura que encaminhe projeto de lei à Câmara Municipal, autorizando o Poder Executivo a realizar permuta de bem imóvel da administração pública com particulares.

Recentemente, a Prefeitura de Jardim do Seridó permutou um terreno localizado no bairro São João, com terreno particular localizado no bairro Esplanada. Nesse caso, a permuta teve como objetivo a construção de uma praça, obra já concluída pela Administração Municipal, configurando o interesse público da permuta.

A legislação prevê que a alienação de bens da Administração Pública somente deve ser realizada quando houver interesse público devidamente justificado e deverá ser precedida de avaliação.

No caso específico, os imóveis foram avaliados, mas a permuta não foi precedida de autorização legislativa. Há ainda o fato de que não existe legislação municipal que autorize qualquer alienação de imóveis pertencentes ao Município.

Para garantir o cumprimento da lei, a Promotoria de Justiça fixou o prazo de 15 dias para que o prefeito apresente a cópia do respectivo projeto devidamente protocolado junto à Câmara Municipal ou justifique as razões para não fazê-lo. O não acatamento da recomendação poderá implicar na adoção das providências judiciais cabíveis.

Reunião discute alocação de água da Passagem das Traíras e do Rio Seridó nesta quinta-feira


O Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Piancó–Piranhas–Açu (CBH PPA) e a Agência Nacional de Águas (ANA) estarão realizando nesta quinta-feira (03), reunião anual de alocação de água do sistema hídrico formado pelo reservatório Passagem das Traíras e pelo rio Seridó. O evento será das 9 as 12 horas no auditório do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Jardim do Seridó, na Rua Dr. Heráclio Pires, número 197, no centro da cidade.

Na pauta, temas como a apresentação pela ANA sobre os usos da água na região, debate sobre as demandas e disponibilidades apresentadas, apresentação pela ANA de regras gerais para os usos no sistema hídrico, debate sobre a proposta de marco regulatório e alocação de água 2017-2018; encaminhamentos pertinentes à proposta e aprovação do Termo de Alocação de Água.

Comissão de Inquérito vai apurar denúncias de desvios de recursos públicos no Governo Amazan


Na primeira sessão ordinária da Câmara Municipal de Jardim do Seridó, após a volta do recesso parlamentar, foi aberta uma comissão de Inquérito Especial, com o objetivo de apurar supostos desvios de recursos públicos no Governo Amazan. A CEI foi assinada pelos vereadores Andréia Araújo, Alcides Cunha, José da Noite e Dedé do Consórcio.

De acordo com o requerimento dos edis, a CEI terá o objetivo de apurar a realização de um contrato com a pessoa de Maria da Conceição Medeiros Lucena, para fornecimento de lanches e refeições, supostamente ao policiamento e as equipes de apoio e organização do carnaval e campeonato de blocos, mediante contratação direta.

Os vereadores sustentam que os lanches e refeições não foram destinados as categorias, objeto da dispensa, mas as bandas contratadas e outros fornecedores, o que não era de responsabilidade da prefeitura, o que poderá ensejar o uso indevido de recurso público.

A denúncia também trata de divergência entre o número de membros da comissão de apoio do Carnaval, mencionado na documentação fornecida pela prefeitura, no detalhamento da despesa, na nota fiscal do suposto prestador de serviço, e na informação verbal de membros da equipe.

E o descumprimento do contrato administrativo nº 016/2017 para fornecer lances, almoços e jantares não ter sido o fornecedor contratado, e pago para o objeto de dispensa nº 086/2016. Os vereadores ainda denunciam divergências no tocante ao número de membros da Comissão do Carnaval e dos dias em que os mesmos teriam recebido alimentação paga pelos cofres públicos, dentre outras denúncias.

“Fico triste, mas não tive alternativa”, diz Amazan sobre exonerações em Jardim do Seridó


O prefeito de Jardim do Seridó, Amazan Silva conversou com o Blog do Marcos Dantas sobre as exonerações que fez em seu secretariado, em coordenadorias e alguns cargos de confiança, nesta segunda-feira (31).

Confirmou o que o Blog já tinha informado, que as medidas foram sugeridas pelo Tribunal de Contas do RN, como forma de adequar o Município ao Limite da Lei de Responsabilidade Fiscal. Atualmente, Jardim do Seridó está com um Limite Prudencial de gastos com pessoal em torno de 62%, quando a LRF reza que o máximo é de 54%.

O prefeito garante já ter herdado o município com um limite elevado, mas esperava que o País reagisse economicamente, mas o efeito não foi o esperado. “Sei que é difícil você chegar para um servidor, que se capacitou para tal função, e dizer que ele não está mais na administração. Gestor nenhum gosta de exonerar funcionários. Fico triste, mas infelizmente não tive outra alternativa. Ou começava cortando na própria carne, inclusive no meu gabinete, quando exonerei minha assessoria de imprensa, ou ia começar a sacrificar serviços básicos oferecidos aos habitantes de Jardim do Seridó. Escolhi cortar na carne”, disse.

Amazan acredita que as exonerações desta segunda-feira sejam suficientes para atender a meta posta pelo Tribunal de Contas do RN, mas se for necessário, fará novas exonerações.

Eu espero que não, se for necessário, seremos obrigador a fazê-las. 95% das pessoas que foram exoneradas hoje entenderam a minha situação, e se colocaram a disposição de continuar ajudando o município, mesmo sem estarem nas funções gratificadas. 5%, confesso que se decepcionaram, mas é a função do gestor encontrar saídas para minimizar os impactos desta crise”.

O prefeito foi obrigado a fazer alguns remanejamentos e fusões. José Ailson, que era coordenador do Meio Ambiente passa a responder pelas secretarias de Obras e Agricultura; Rejane Medeiros pela Administração e Joaquim Alberto, além da Educação que já responde, ficará respondendo pela Secretaria de Cultura.

Exonerados foram informados por Amazan no final do expediente desta segunda-feira


O Blog do Marcos Dantas conversou com alguns secretários e comissionados, exonerados pelo prefeito de Jardim do Seridó, Amazan Silva. Quem foi ouvido pelo Blog garantiu que jamais esperava pela exoneração, e que foram surpreendidos com a notícia, dada pelo próprio gestor, somente no final do expediente desta segunda.

Os cortes não só atingiram o alto escalão do Governo Amazan. Até a assessoria de imprensa da Prefeitura foi alvo da “tesoura”, que de acordo com o prefeito se fez necessária, diante das exigências dos órgãos fiscalizadores, para que o Município entre no Limite Fiscal.

Prefeito de Jardim do Seridó exonera quatro secretários e vários comissionados


O prefeito Amazan Silva exonerou quatro auxiliares de seu primeiro escalão em Jardim do Seridó, com a alegação de enquadrar o Município aos limites da Lei de Responsabilidade Fiscal.

O Blog do Marcos Dantas tentou contato com Amazan, sem sucesso, mas fontes garantiram que no Diário Oficial desta terça (01) serão publicadas as exonerações de Carlos Fernandes (Agricultura), Ozires Vilar (Cultura), Diógenes Santiago (Administração) e Sebastião Márcio (Obras). Além dos auxiliares, Amazan também teria exonerado dezenas de cargos comissionados, e suspendido contratos.

I Unidade em Sistema de Reuso de Água está sendo instalada em Jardim do Seridó


Está sendo realizado no período de 17 a 21 de julho em Jardim do Seridó um curso promovido pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural e o SEBRAE, sobre sistema de reuso de águas cinza, ou seja, a água residuária domiciliar, com o sistema montado com caixas de água, filtros e base elevada para dar declividade.

O produtor rural Nelson Antônio de Medeiros do Sítio Angicos, zona rural do município de Jardim do Seridó, foi o escolhido e será pioneiro nesta implantação do sistema de reuso de águas cinza, o mesmo é assistido pelo projeto Sertão Empreendedor (SENAR-RN/SEBRAE).

O instrutor zootecnista Paulo Victor falou do aproveitamento de água que o sistema irá gerar na propriedade, tendo em vista reutilizar 86% do consumo diário de sua residência e destinada à irrigação da palma forrageira, dando assim um melhor suporte para o rebanho na época crítica de escassez, evitando o desperdício da água que é o mais importante.

O objetivo do projeto é orientar os produtores rurais a reutilização das águas servidas das unidades familiares, para produção de forrageiras (palma e sorgo), visando preservar os recursos hídricos existentes e garantir a sustentabilidade. Os recursos para compra do material e todo apoio logístico foram doados pelo SENAR/RN E SEBRAE.

O curso conta com a parceria da Prefeitura Municipal de Jardim do Seridó, através da Secretaria Municipal de Agricultura, do Meio Ambiente e Pesca e do Sindicato dos Trabalhadores Rurais e Agricultura Familiar.

Prefeitura proíbe banho e pesca no Açude Zangarelhas em Jardim do Seridó


Através de decreto, o prefeito de Jardim do Seridó, Amazan Silva (PSD) determinou a proibição da pesca e banho de pessoas e de animais, no açude público Zangarelhas. A justificativa é evitar a poluição dos mananciais de água localizados na circunscrição territorial do Município.

Empresa Mioche promete se instalar em Jardim do Seridó e gerar 200 empregos diretos


O Prefeito de Jardim do Seridó Amazan, recebeu recentemente à visita do proprietário da Empresa Mioche, Raimundo Pena Forte.

O objetivo da visita foi conhecer a cidade e traçar alguns detalhes para instalação de uma fábrica da marca no município de Jardim do Seridó. A expectativa é que o empreendimento gere em torno de 200 empregos diretos.

Prefeitura de Jardim do Seridó paga 1ª parcela do 13º salário de 2017


A Prefeitura de Jardim do Seridó paga nesta quarta-feira, 12 de julho, a primeira parcela 50% do 13º salário dos servidores municipais. O anúncio foi feito pelo prefeito Amazan nesta terça (11). Segundo a prefeitura, cerca de R$ 367.229,09 (trezentos e sessenta e sete mil, duzentos e vinte e nove reais e nove centavos), devem ser injetados na economia, especialmente no setor de comércio e serviços da cidade. 

Para Amazan, investir no São João é investir na cultura, no turismo, na autoestima da população


A cidade de Jardim do Seridó encerrou neste domingo, 09 de julho, uma das melhores festas juninas já realizadas no município. Realizada ao lado da Praça da Saudade, na Avenida Dr. Ruy Mariz, a festa recebeu milhares de pessoas que comemoraram o resgate da festa junina. O prefeito Amazan declarou que investir no São João é investir na cultura, no turismo, na autoestima da população jardinense e gerar renda para muitas pessoas na cidade.