Presidente da CNBB, Dom Walmor faz contraponto a pronunciamento do presidente Bolsonaro