Número diário de mortes por covid-19 dobra no Rio Grande do Norte

De janeiro a maio deste ano, a covid-19 matou mais pessoas no Rio Grande do Norte do que em todo o ano de 2020. A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap/RN), confirmou 3.085 óbitos provocados pela doença entre os dias 1º de janeiro e 31 de maio passado.

De 28 de março de 2020, data da primeira morte pela doença no Estado, até o dia 31 de dezembro do mesmo ano, o número de vidas perdidas para a infecção causada pelo novo coronavírus no território potiguar ficou em 3.064, segundo a pasta.

O número chama mais atenção quando o total de óbitos confirmados para a covid-19 é dividido pela quantidade de dias nos dois anos. Durante 2020, as 3.064 mortes ocorreram ao longo de 279 dias (de 28 de março a 31 de dezembro). Dividindo o primeiro pelo segundo número, chega-se a uma média diária de 10,98 óbitos. Neste ano, foram 3.085 mortes em 151 dias, o que perfaz uma média diária de 20,43 óbitos pela doença, quase o dobro do registrado em quase todo o ano de 2020.

Da Tribuna do Norte