Governadora assina ordem de serviço para reconstrução da RN-233

A governadora Fátima Bezerra, ao lado do vice-governador Antenor Roberto, assinou a Ordem de Serviço para a obra de restauração e alargamento da RN-233, ao cumprir agenda no município de Paraú, na última quinta-feira (3). A obra beneficiará uma extensão de 41 km da rodovia, do entroncamento da BR-304, passando pelo município de Paraú, até à BR 226, em Triunfo Potiguar.

“A reconstrução desta importante via vai deixá-la mais larga, sinalizada e, consequentemente, mais segura. É uma grande alegria, além de melhorar o tráfego, o escoamento de produções, poder gerar mais empregos para as pessoas, promovendo o desenvolvimento do Rio Grande do Norte”, comemorou a governadora, agradecendo a presença de todos e todas nessa data em que a esperança se renova ainda mais, e dando em primeira mão, a notícia de que vai encaminhar o Projeto de Lei  à Assembleia Legislativa do RN para que a nova via receba o nome do Padre Pedro Neefs, de forma a homenagear importante personagem da história social do Oeste potiguar.

Prefeita de Paraú, Maria Olímpia registrou em sua fala que “este é um dia histórico para todo o Médio e Alto Oeste, além de marcar a vida de cada um que passa por essa estrada, que escoa suas produções”. E completou: “Isso vai marcar a sua gestão, governadora, porque mostra o cuidado com a qualidade de vida de todos nós, a preocupação com a transformação e o desenvolvimento dessas regiões”.

Na execução, serão aplicados quase R$ 74 milhões por meio do Projeto Governo Cidadão e do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), com recursos advindos do empréstimo junto ao Banco Mundial. A obra tem o prazo de 10 meses para ser finalizada.

“Esta é mais uma iniciativa do Governo Fátima com foco no equilíbrio regional, a iniciativa trará ainda mais desenvolvimento aos potiguares, em especial aos produtores do Alto e Médio Oeste que escoam suas produções por essa estrada”, disse o secretário de Gestão de Projetos e Metas e coordenador do Governo Cidadão, Fernando Mineiro, lembrando que a obra não estava no plano de aplicações do empréstimo e que, após muitas tratativas, foi encaixada nas ações a serem finalizadas até o final de 2022.

“O momento é de agradecimento ao empenho e trabalho árduo em prol do Médio e Alto Oeste. A via, para além da melhoria na trafegabilidade e do transporte dos produtos, vai fomentar o turismo regional, pelo qual lutamos tanto”, reforçou o prefeito de Patu e presidente da associação dos Municípios do Oeste Potiguar (AMOP), Rivelino Câmara.

Novos trechos beneficiados

Corroborando Mineiro, Manoel Marques, diretor do DER, completou: “Este é um trabalho a várias mãos, um projeto piloto que vai inovar emplacando a obra desde seus estudos para fazermos o projeto em sua totalidade até a execução da obra”, finalizou. O gestor ainda anunciou que, quando da abertura do orçamento estadual de 2022, outros 29 trechos ao longo do RN serão restaurados ou reconstruídos pelo Governo do Estado.

Malha viária do RN

Ainda por meio do Governo Cidadão, com recursos viabilizados pelo empréstimo junto ao Banco Mundial, o Governo do Estado vem revitalizando diversas estradas por todo o Rio Grande do Norte.

São iniciativas que buscam garantir infraestrutura, mobilidade e acesso entre as regiões do Estado, promovendo um maior escoamento da produção e crescimento de novos mercados para os produtores da agricultura familiar, de maneira a possibilitar também o aquecimento do turismo regional.

Entre as estradas beneficiadas estão: RN-011 (conhecida como Estrada da Castanha, em Serra do Mel); RN-015 (Estrada do Melão III, ligando Baraúna à BR 437, no trecho conhecido como estrada do Cajueiro); RN-016, que beneficiou diretamente os produtores de Carnaubais, Serra do Mel e Mossoró; a RN-118, no trecho que liga Jucurutu e Caicó; a RN-087, que liga Cerro Corá a Lagoa Nova; a RN-160, em São Gonçalo do Amarante; a RN-307 em Genipabu; a RN-063, que liga Tabatinga a Barreta e a Estrada da Produção, também em São Gonçalo do Amarante.

Além dos já citados, acompanharam a governadora neste evento os secretários de Planejamento e Finanças, Aldemir Freire; de Comunicação, Daniel Cabral; o diretor do Instituto de Gestão de Águas, Auricélio Costa; os deputados estaduais Francisco Medeiros (Francisco do PT), Raimundo Fernandes, Dr. Bernardo Amorim e George Soares; chefes do Executivo municipal, secretários e vereadores da região.

Governo do RN investe mais R$ 3,4 mi no Hospital de Assu

A saúde pública do Vale do Açu será elevada a um novo patamar dentro dos próximos meses. A partir da próxima semana, o Governo do Estado começa uma reforma inédita no Hospital Regional Dr. Nelson Inácio dos Santos, em Assu. A obra, no valor de R$ 3,4 milhões e prevista para durar seis meses, foi autorizada pela governadora Fátima Bezerra nessa quinta-feira (3).

O investimento inclui a recuperação do centro cirúrgico, melhorias no bloco administrativo e na central de material esterilizado, além do aumento do centro de recuperação operatório, ampliação do setor de imagem com um novo raio-x e da Unidade Central de Agentes Terapêuticos. Os recursos são do projeto Governo Cidadão, oriundos do acordo de empréstimo junto ao Banco Mundial.

“Os investimentos que estamos fazendo no Hospital Nelson Inácio, que é o equipamento mais importante da região, são para que toda a população possa ser atendida como se deve, com o hospital cumprindo sua vocação. Queremos que o hospital seja referência para todo o Rio Grande do Norte”, afirmou a governadora Fátima Bezerra, durante a assinatura da ordem de serviço da obra.

Dentre outras melhorias, a reforma possibilitará a ampliação das cirurgias eletivas na unidade dentro do programa Mais Cirurgias, Mais Saúde coordenado pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap). O programa implantou, no fim de 2021, pela primeira vez na história do Hospital Regional de Assu a oferta de procedimentos eletivos ortopédicos, realizando mais de 140 cirurgias em menos de três meses.

“A qualificação e humanização da saúde pública é uma das metas que sempre temos na Sesap. E essa obra que começa semana que vem, com foco em Assu e região, é mais um passo nesse sentido”, comentou o secretário de Estado da Saúde Pública, Cipriano Maia. “Tivemos que refazer todo o projeto dessa obra, diante de todos os problemas que encontramos. Sentamos com todos os envolvidos e conseguimos solucionar, porque essa reforma é fundamental para o Estado”, relembrou o secretário de Gestão de Projetos e Metas e coordenador do Governo Cidadão, Fernando Mineiro.

O investimento também proporcionará a implantação de um novo setor de obstetrícia na unidade, com quatro áreas de parto, pré-parto e pós-parto e 20 novos leitos que vão melhorar substancialmente o atendimento às grávidas e recém-nascidos de toda a região atendida pelo hospital, que engloba mais de 130 mil pessoas. “Tem mais de 20 anos que esse hospital foi inaugurado e nunca passou por reforma. Com esses investimentos que está recebendo, a unidade entra em nova fase, passa a ser de fato um hospital regional de qualidade. Só temos a agradecer”, comentou o deputado George Soares.

A reforma que será iniciada na próxima semana se soma a diversos outros investimentos já feitos pelo Governo no Hospital Regional de Assu, que somados aproximam-se dos R$ 10 milhões. “Essa obra vai elevar o Hospital Nelson Inácio a um nível que possibilitará um atendimento de alta qualidade para toda a região do Vale do Açu”, pontuou Alberto Trigueiro, diretor-geral da unidade.

Entre as principais melhorias feitas durante o atual governo estão os primeiros leitos de UTI instalados na unidade, que foi inaugurada em 1999. São dez leitos, abertos durante o esforço de combate à pandemia da covid-19, que seguem atendendo a população.

A solenidade de assinatura da ordem de serviço foi acompanhada também pelo vice-governador Antenor Roberto e a prefeita de Carnaubais, Marineide Diniz.

Conteúdo Tribuna do Norte