Prefeito de Ceará-Mirim promete 500 empregos a presidiários

O prefeito de Ceará-Mirim, Marconi Barreto (PSDB), ao se referir sobre a unidade prisional que está sendo construída na região, durante audiência nesta segunda (06) na Assembléia Legislativa, disse que se o local for destinado aos 600 presos, tiver apoio psicológico, psiquiátrico e advogados, ele garante 500 empregos aos presidiários.