Veja dicas de segurança e economia de energia ao montar a decoração natalina

Decoração natalina — Foto: Arquivo Pessoal
Decoração natalina — Foto: Arquivo Pessoal

O clima natalino já está tomando conta do comércio e das residências na maioria das cidades do Rio Grande do Norte. Para que o brilho das luzes não seja apagado pela alta na conta de luz ou por qualquer incidente envolvendo a instalação dos equipamentos, a Neoenergia Cosern montou um guia com dicas de economia e orientações de segurança.

O consumidor deve ficar atento às questões de segurança a partir da escolha de um dos itens mais comuns do período natalino: o pisca-pisca. Na embalagem do acessório, deve constar informações sobre a potência, tensão e instruções de uso. Isso garantirá maior confiabilidade. A opção por lâmpadas LED é mais segura e mais econômica, pois elas aquecem menos e utilizam menos energia do que as convencionais.

A iluminação deve ser instalada por pessoas que estejam secas e calçadas. Além disso, é importante se certificar de que o pisca-pisca esteja desconectado da energia durante o manuseio. Ele só deve ser ligado após a conclusão da montagem. Caso a pessoa queira mudar algo na decoração natalina, como a posição do pisca-pisca, deve primeiro desconectar da tomada, fazer a alteração, e só então ligar novamente.

Outra orientação é evitar o uso de enfeites feitos de papel, cartolina, algodão, lã e palhas seca, pois, em caso de curto-circuito, eles podem produzir fogo mais facilmente. Pelo mesmo motivo, dê preferência para as árvores que possuem o aviso de ‘resistente ao fogo’ para diminuir as chances de acidentes. Aliado a isso, é importante saber escolher a árvore. A maior parte delas é feita de materiais como plástico e metal – importante condutor de energia. Caso haja alguma falha no pisca-pisca, ele pode energizar toda a decoração.

Fonte: G1 RN

© 2024 Blog do Marcos Dantas. Todos os direitos reservados.
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem prévia autorização.