‘Taxi voador’ elétrico da Joby Aviation faz voo inédito em Nova York

eVTOL da Joby Aviation - Voo de exibição em Nova York
eVTOL da Joby Aviation - Voo de exibição em Nova York — Foto: Joby Aviation

A aeronave eVTOL da Joby Aviation fez o primeiro voo de um “táxi voador” elétrico em Nova York no último domingo, marcando também a primeira vez que o veículo voou sobre um ambiente urbano. A viagem de exibição partiu do Heliporto Downtown, no sul de Manhattan, que servirá de base para máquina pioneira. A Joby alega que o eVTOL é capaz de ir de Manhattan ao aeroporto JFK em apenas 7 minutos, enquanto o mesmo trajeto de carro dura mais de uma hora.

– Estamos gratos pelo apoio da cidade e estamos honrados em trabalhar com parceiros visionários como a Delta Air Lines para trazer nosso serviço de táxi aéreo a este mercado. Planejamos tornar o voo silencioso e sem emissões uma realidade cotidiana acessível para os nova-iorquinos, ao mesmo tempo que reduzimos significativamente o impacto do ruído dos helicópteros – declarou JoeBen Bevirt, fundador e CEO da Joby Aviation.

A empresa é rival da Eve, subsidiária da Embraer que planeja lançar um eVTOL em 2026. Ambas as iniciativas estão na corrida para revolucionar a mobilidade urbana por meio de “táxis voadores” sustentáveis. A Joby quer entrar no mercado um ano antes da Eve, e planeja lançar seu serviço comercial de passageiros em parceria com Delta Airlines assim que receber a certificação da Federal Aviation Administration (FAA).

O protótipo do Joby eVTOL já percorreu mais de 50 mil quilômetros em voos testes desde 2017. Recentemente, o primeiro modelo de pré-produção saiu da fábrica em Marina, Califórnia e foi entregue à Força Aérea dos EUA para testes operacionais.

Veja a seguir a diferença entre os “taxis voadores” da Joby Aviation e da Eve Air Mobility:

Fonte: O Globo

© 2024 Blog do Marcos Dantas. Todos os direitos reservados.
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem prévia autorização.