Serial killer que matou mulheres inspirado em filme é preso no Rio

Policiais Civis prendem
Policiais Civis prendem "serial killer" condenado a mais de 60 anos de prisão - (crédito: Reprodução/ Instagram/ 126delegacia )

Um assassino em série, condenado a 60 anos de prisão por matar mulheres em Minas Gerais e na Bahia, foi preso nessa quarta-feira (15/11), feriado da Proclamação da República, em Cabo Frio, no Rio de Janeiro. Ele estava foragido da Justiça mineira há dois anos.

Roberto Marcelo Paiva Ramos, de 50 anos, fugiu de um presídio em Muriaé, na Zona da Mata mineira, depois de obter progressão para o regime semiaberto. Ele foi capturado no feriado por agentes da 126ª Delegacia de Polícia, após buscas e levantamentos de inteligência.

Considerado pelas autoridades de segurança como um dos maiores assassinos em série do Brasil, Ramos é acusado de matar ao menos sete mulheres em Minas Gerais e na Bahia. Os crimes cometidos por ele ocorreram entre 1997 e 2006. Ele é descrito pela polícia como um “psicopata que sentia prazer em ver suas vítimas sofrendo até a morte”.

Um dos assassinatos que mais chamaram atenção foi o de uma turista, de 32 anos, em uma pousada na Bahia, em 2006. A mulher foi estrangulada por Ramos com um fio elétrico e, depois, agredida na cabeça com um porrete. Ele foi preso depois de confessar o crime. Na época, ele já havia sido condenado a 25 anos de prisão por outro assassinato cometido em Juiz de Fora, na Zona da Mata mineira, e estava foragido.

Assassinatos foram inspirados em filme

Com requintes de crueldade, o homem declarou à polícia, em prisão anterior, que se inspirou no filme “Rejeitados pelo Diabo” para cometer os crimes. Dirigido por Rob Zombie, a produção acompanha a trajetória da família Firefly para evitar uma emboscada, praticando diversos assassinatos contra quem cruzar seu caminho. Os assassinatos em série exibidos na obra são motivados por vingança.

Roberto tem outras passagens pela polícia por crimes como furto, roubo, latrocínio, além de envolvimento com tráfico de drogas e armas.

Fonte: Correio Braziliense

© 2024 Blog do Marcos Dantas. Todos os direitos reservados.
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem prévia autorização.