‘Seca extrema’ faz água de pântano salgado ficar rosa em refúgio no Havaí; entenda

Travis Morrin registrou mudança na cor da água em refúgio de Maui
Travis Morrin registrou mudança na cor da água em refúgio de Maui — Foto: Reprodução/Instagram

Um dos raros pântanos salgados do mundo teve as águas “coloridas” de rosa em meio à seca extrema que atinge a ilha de Maui, no Havaí. Imagens divulgadas nas redes sociais pelo chef de cozinha e fotógrafo Travis Morrin, morador da região, surpreenderam internautas.

De acordo com a rede americana CNN, autoridades locais afirmaram que o fenômeno foi causado porque, com a estiagem, o teor de sal nas águas do Refúgio Nacional de Vida Selvagem de Kealia Pond aumentou e favoreceu a proliferação de micro-organismos.

Travis publicou as fotos esta semana e, na sequência, ainda divulgou o vídeo da situação para os internautas mais desconfiados se convencerem da autenticidade das imagens.

“Clipe rápido para quem não acredita”, escreveu ele. “Aparentemente, é um fenômeno totalmente natural, resultante da temperatura, altos níveis de salinidade na água, algas tolerantes ao sal e bactérias que ocorrem naturalmente que produzem uma tonalidade rosa/laranja ou pelo menos foi o que me disseram”, explicou.

Segundo as autoridades, as águas estão com a cor rosa desde 30 de outubro, pelo menos. Amostras foram enviadas para a Universidade do Havaí. Segundo a CNN, cientistas do Serviço de Pesca e Vida Selvagem dos EUA apontam halobactérias como as responsáveis pela tonalidade. São organismos unicelulares que se proliferam em águas muito salgadas.

Apesar de o nome do pântano (Kealia ou “incrustação de sal”, na tradução para o português) já indicar a salinidade da água, autoridades destacam que os índices dispararam por causa da seca extrema em Maui. A menor entrada de água doce do riacho Waikapu, que deságua no lago, também favoreceu a concentração de sal e, por consequência, a proliferação das bactérias.

A seca atinge 90% do condado de Maui — sobretudo depois de um incêndio deixar mais de cem mortos em Lahaina, em agosto. Segundo a CNN, cientistas alertam que a crise climática vai piorar as condições no Havaí à medida que a temperatura global aumentar – mesmo em zonas tropicais.

Fonte: O Globo

© 2024 Blog do Marcos Dantas. Todos os direitos reservados.
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem prévia autorização.