Rio Grande do Sul: sobe para 161 o número de mortos

A Defesa Civil alerta para novos temporais  -  (crédito: NELSON ALMEIDA / AFP)
A Defesa Civil alerta para novos temporais - (crédito: NELSON ALMEIDA / AFP)

A Defesa Civil do Rio Grande do Sul atualizou, na manhã desta terça-feira (21/5), o números da maior tragédia climática da história do estado. De acordo com o último boletim divulgado pelo governo do subiu para 161 o número de mortos.

A Defesa Civil informou, ainda, que o número de pessoas desaparecidas é de 85 até o momento. Há 806 feridos.

Segundo os dados da Defesa Civil, o total de pessoas que tiveram de deixar suas residências ultrapassa 581 mil, das quais 72,5 mil estão em abrigos públicos.

Até agora, 464 dos 497 municípios do estado foram afetados, de alguma forma, pelas enchentes. Ao todo, são mais de 82,6 mil pessoas resgatadas.

Mais chuvas

A Defesa Civil do Rio Grande do Sul emitiu alerta para temporais e chuvas intensas entre terça-feira (21/5) e quinta-feira (23/5). O risco é de inundação em boa parte do estado e de elevação das águas na região metropolitana de Porto Alegre e Laguna dos Patos, área que já apresenta estado crítico, com risco de escoamento das águas do Rio Guaíba para a Laguna dos Patos.

As chuvas começam principalmente no litoral sul do estado e devem se espalhar por quase todo o território do RS. De acordo com a meteorologista da Sala de Situação do RS.

O alerta pede ainda que a população não retorne para áreas alagadas ou inundadas. Também é preciso ter atenção ao risco de desabamentos.

Fonte: Correio Braziliense

© 2024 Blog do Marcos Dantas. Todos os direitos reservados.
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem prévia autorização.