Postos da capital já se antecipam à redução da gasolina pela Petrobrás

Mesmo antes que a Petrobras reduzisse em 1,38% nesta terça-feira, 8, o preço médio da gasolina nas refinarias, alguns postos de combustíveis de Natal anteciparam os preços na bomba.

Na zona Norte, já estavam vendendo o litro a R$ 4,09, enquanto na zona Sul a média girava em torno dos R$ 4,15 – embora muitos ainda mantivessem seus preços acima dos R$ 4,20.

É o resultado imediato do corte no preço da gasolina A pela estatal que manteve os preços do diesel nos mesmos patamares de R$ 1,8545, conforma tabela disponível no site da empresa.

Com exceção do gás veicular, que teve uma variação positiva nos últimos três meses do ano passado, os postos de gasolina da capital pesquisados pelo Procon Municipal já vinham reduzindo continuamente seus preços na bomba para o consumidor.

Para o presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo do RN (Sindipostos), Antônio Sales, essa nova redução nas refinarias deve dar um “refresco” para os consumidores que, segundo ele, têm mantido os níveis de gastos semanais com combustíveis.

“Quem gastava R$ 100 continuará colocando os mesmos R$ 100 e conseguirá andar um pouquinho mais. Se, ao contrário, houvesse um aumento na bomba, eles provavelmente continuariam gastando o mesmo valor, mesmo andando menos”, avaliou.

Sales é otimista em relação ao preço dos combustíveis este ano com as últimas reduções nas cotações do dólar e com as medidas que o novo governo Bolsonaro anunciam para a governança da Petrobras.

Até o final do ano passado, segundo o Procon municipal, a diferença entre o maior valor (R$ 4,499) e o menor (R$4,210) já era na ocasião de 6,86%. A região Oeste da cidade foi a que apresentou então o menor preço médio entre as quatro regiões pesquisadas, quando o valor de bomba da gasolina comum girou em média em R$ 4,278 o litro. A pesquisa encontrou o menor preço de (R$ 4,210), na zona Norte, em Pajuçara.

Já o maior preço da gasolina comum em meados de dezembro foi constatado na região Sul e na região Leste, a R$4,499 o litro em Lagoa Nova e Tirol, no entanto o maior preço médio foi detectado pela pesquisa mesmo na região Sul (R$ 4,316).