Posse de deputados estaduais se aproxima sem definição da permanência de Vivaldo Costa

Os aliados do deputado estadual Vivaldo Costa estão ansiosos se o mesmo permanecerá nesta próxima legislatura 2023-2026, que se inicia no dia 01 de fevereiro, na condição de primeiro suplente de sua coligação.

A solenidade acontecerá às 9h, no Plenário da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte.

Os destinos de Vivaldo estão nas mãos da governadora Fátima Bezerra que até agora não anunciou se convocará algum deputado eleito da Federação PT-PV e PC do B para compor seu Governo, abrindo espaço para Vivaldo ser reconduzido para a Assembleia.

Outra possibilidade comentada nos bastidores seria a abertura de uma vaga no Tribunal de Contas do RN, cabendo a indicação ser feita pela governadora que poderia indicar um deputado eleito, beneficiando Vivaldo com sua permanência na Assembléia. Mas essa segunda opção poderia demorar um pouco mais.