Polícia Federal pede que ex-presidente Lula seja transferido de unidade

A Polícia Federal enviou para a juíza Caroline Lebbos um pedido de transferência do ex-presidente Lula a uma unidade prisional adequada. Entre os motivos para o pedido, estaria o alto custo de manter o ex-presidente no local.

A estimativa da assessoria da Superintendência da Polícia Federal no Paraná é de que quase R$ 300 mil ao mês poderão ser gastos para manter o ex-presidente preso. A escolha de uma nova unidade ficaria sob responsabilidade da Justiça.

Lula está preso desde o dia 7 de abril na superintendência da PF, na capital paranaense. Ele está em uma cela especial, afastado do ex-presidente e sócio da OAS, Léo Pinheiro, e do ex-braço direito e ministro nos governos petistas, Antônio Palocci. O ex-presidente cumpre pena pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro no caso do tríplex do Guarujá.