PM segue em buscas por bandido que matou homem e fez mulher refém em Natal

A Polícia Militar segue à procura do bandido que matou um homem, na avenida Prudente de Moraes, em Natal, e depois fugiu com uma mulher feita refém, até abandoná-la com um carro roubado no bairro Potengi, na zona Norte da capital potiguar. A corporação informou que mobilizou todas as viaturas da área para monitoramento e diligências diante das informações repassadas e características do suspeito. O crime ocorreu na manhã desta quarta-feira (24).

O caso é investigado pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), da Polícia Civil. Ainda não informações a respeito da motivação do crime. O bandido adentrou armado à unidade da academia Smart Fit da avenida Prudente de Morais. Dentro do espaço, ele efetuou um disparo que atingiu um instrutor, que foi atendido no hospital São Lucas e está fora de perigo. Na saída, ele rendeu uma mulher que chegava para treinar.

Já fora da academia, um homem tentou ajudar a mulher e foi baleado pelo criminoso duas vezes. Um dos disparos atingiu a vítima na região do abdômen e outro a perna. Ele morreu no local. O corpo dele foi conduzido ao Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep-RN), na sede da Ribeira, zona Leste de Natal, até a chegada da família. A vítima foi identificada como Manoel Barbosa, 47, e era um motorista de carro de lotação.

As buscas da Polícia Militar se concentram na zona Norte de Natal, onde o carro abandonado pelo criminoso foi encontrado. A mulher que ele fez refém foi obrigada a dirigir um veículo roubado, sob a mira de uma arma, por onde o bandido ordenava que ela seguisse. Ela e o carro foram deixados próximo ao colégio Hipócrates, no bairro Potengi. O bandido fugiu a pé. Pela descrição, o homem tem pele morena, estatura mediana e usava uma camiseta roxa, uma bermuda jeans e chinelo.

Da Tribuna do Norte

© 2024 Blog do Marcos Dantas. Todos os direitos reservados.
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem prévia autorização.