Pernambuco terá 1ª fábrica de medicamentos para o SUS do Brasil

Brasil produz apenas 5% dos insumos utilizados na fabricação de remédios e vacinas. O resto é importado de outros países -  (crédito: Marcello Casal Jr./Agência Brasil)
Brasil produz apenas 5% dos insumos utilizados na fabricação de remédios e vacinas. O resto é importado de outros países - (crédito: Marcello Casal Jr./Agência Brasil)

O Brasil pretende alcançar a autossuficiência de produção do medicamento fator VII recombinante em território nacional. O presidente Luiz Inácio Lula da Silva participa amanhã (4/4) da inauguração da primeira unidade fabril brasileira para esse remédio, que está localizada no Complexo Industrial da Hemobrás, em Goiana, Pernambuco.

A promessa da fábrica é de que a produção de 1,2 bilhão de unidades internacionais de fator VIII por ano abasteça 100% da demanda do Sistema Único de Saúde (SUS). A conclusão da implantação da fábrica de hemoderivados e início da operação estão previstos até 2026.

Apesar de suprir uma das demandas dos medicamentos oferecidos pelo SUS, o país ainda está longe de conseguir produzir todos fármacos que consome. De acordo com dados da Associação Brasileira da Indústria de Insumos Farmacêuticos ( Abiquifi), o Brasil produz apenas 5% dos insumos utilizados na fabricação de remédios e vacinas. O resto é importado de outros países.

Na cerimônia de lançamento da fábrica de fator VIII, o presidente estará acompanhado da ministra Nísia Trindade (Saúde), da governadora de Pernambuco, Raquel Lyra, da presidente da Hemobrás, Ana Paula Menezes, e de outras autoridades.

Fonte: Correio Braziliense

© 2024 Blog do Marcos Dantas. Todos os direitos reservados.
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem prévia autorização.