Pequenas e médias empresas de e-commerce faturam R$ 301 mi em outubro

Multa pode chegar a 10 milhões
A realização da Black Friday em novembro pode impulsionar ainda mais as vendas do setor de comércio online; na foto, pessoa comprando item pelo celular

Os pequenos e médios empreendedores do comércio on-line tiveram um faturamento de aproximadamente R$ 301 milhões em outubro. Esse montante representa um incremento de 26% em comparação ao mesmo período do ano anterior, que registrou R$ 238 milhões em receita. Os dados são da Nuvemshop, plataforma de criação de lojas virtuais.

Além do aumento nas receitas no mês passado, um fator que anima o setor é a proximidade da Black Friday, dia em que são realizadas diversas promoções, principalmente em sites, que impulsionam o faturamento dessas empresas.

Na visão de Luiz Figueira, Diretor Geral de Plataforma na Nuvemshop, o resultado de novembro pode ser ainda mais significativo. Segundo ele, as pequenas e médias empresas do e-commerce estão adotando uma estratégia de antecipação.

Segundo Figueira, muitos comerciantes adiantaram suas promoções, e 22% deles programaram ofertas ao longo do mês de novembro. Com isso, eles não se limitaram apenas à semana ou ao dia da Black Friday, conforme revela a pesquisa “Aquecimento Black Friday 2023” realizada pela Nuvemshop.

Os meios de pagamento mais utilizados pelos consumidores on-line continuam sendo o cartão de crédito (48,5%) e o Pix (40%).

No que diz respeito aos setores de maior destaque, a moda liderou as vendas no mês, alcançando um faturamento de R$ 109 milhões, seguida por saúde e beleza (mais de R$ 25 milhões) e acessórios (R$ 19,5 milhões).

Essa análise considerou as vendas realizadas nos meses de outubro de 2022 e 2023 pela base de lojistas brasileiros da Nuvemshop.

Fonte: Poder360

© 2024 Blog do Marcos Dantas. Todos os direitos reservados.
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem prévia autorização.