Ministro da Defesa aceita convite para visitar sala de totalização de votos do TSE

O ministro da Defesa, Paulo Sérgio Nogueira, foi convidado para participar nesta quarta-feira (28) de visita à sala de totalização de votos do TSE (Tribunal Superior Eleitoral). O convite foi confirmado pela assessoria de imprensa do Ministério da Defesa, que informou que há a perspectiva da presença do militar da reserva na visita oficial.

A sala da seção de totalização é um espaço de trabalho convencional, com computadores distribuídos em baias e com acesso livre para os representantes das entidades fiscalizadoras, como o Ministério Público e a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

A visita ocorre após a Justiça Eleitoral ter negado às Forças Armadas, em maio, a existência de uma espécie de “sala escura” para a totalização dos votos da disputa eleitoral. O termo “sala escura” é utilizado como uma teoria da conspiração nas redes sociais para questionar a segurança e a lisura da apuração dos votos no processo eleitoral brasileiro.

O próprio presidente Jair Bolsonaro (PL), que disputa a reeleição, já chamou o lugar de “sala secreta” e apresentou um argumento de que é lá onde “meia dúzia de técnicos” decidem o resultado das eleições.

Já os principais candidatos à Presidência da República sinalizaram nesta terça-feira (27) que não irão comparecer ao evento. Na última segunda-feira (26), o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Alexandre de Moraes, convidou todos os candidatos a presidente a comparecerem à sala de totalização.

Da CNN Brasil