Maior deficiência na estrutura para a Copa de 2014 é a mobilidade urbana

A informação é da coluna assinada por Mônica Bergamo, na Folha de São Paulo, desta quarta-feira (12).

Mobilidade urbana é a maior deficiência na estrutura para a Copa de 2014, segundo pesquisa com 5.015 moradores das 12 cidades-sedes. É a área que mais deixa a desejar no Rio (92%), Cuiabá (91%), São Paulo (89%), Porto Alegre (88%), Belo Horizonte (85%) e Brasília (83%). Segundo levantamento da LeadPix, agência de marketing direto, o problema de locomoção supera o de segurança pública.