Inundações no RS: Prefeitura de Guaíba determina evacuação de região

Alerta de evacuação em Guaíba
Alerta de evacuação em Guaíba — Foto: Reprodução Facebook

A Prefeitura de Guaíba determinou que moradores dos bairros Cohab-Santa Rita e Ipê deixem as casas por causa da enchente, na noite de terça-feira. De acordo com o alerta, caminhões do Exército circulam pelas ruas para levar os moradores para locais seguros.

A estimativa, segundo a prefeitura, é de que o aumento do nível da água do Guaíba atinja esses bairros nas próximas horas. Segundo a Defesa Civil municipal, até às 2h30, a água ainda não havia chegado às residências.

“As águas estão avançando e podem atingir o bairro todo. Os caminhões do exército estão passando para levar você para um local seguro. Não é mais permitido permanecer neste local”, alertou a prefeitura.

O nível do Guaíba continua subindo, mesmo sem chuvas previstas para Porto Alegre para as próximas horas, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). A previsão do Instituto de Pesquisa Hidráulicas (IPH) da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), inclusive, é de que o nível possa atingir um novo pico nesta quarta-feira, chegando aos 5,4 m.

Isso acontece em parte porque o Rio Taquari, assim como os rios dos Sinos, Jacuí, Caí e Gravataí, desemboca no Guaíba, que banha a região metropolitana de Porto Alegre. Com isso, a cheia nestes locais devido às chuvas sobre a bacia do lago no fim de semana influencia a subida das águas na região de Porto Alegre.

A água subiu depressa, mas escoa lentamente devido não apenas ao volume colossal, mas também porque o Guaíba deságua na Lagoa dos Patos, que também tem um escoamento lento, afetado por ventos e com uma saída apertada para o oceano. O vento sul nos últimos dias, que chegou aos 50 km/h, fez a água ir para o sentido contrário da saída para o mar.

Fonte: O Globo

© 2024 Blog do Marcos Dantas. Todos os direitos reservados.
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem prévia autorização.