Intenção de consumo das famílias natalenses cresce pelo 6º mês consecutivo

A Intenção de Consumo das Famílias (ICF) natalenses de setembro alcançou 84,8 pontos, um crescimento de 32,1% em relação a setembro do ano passado (64,2 pontos). Este é o sexto mês seguido de variações positivas nesta base de comparação. Em relação a agosto (85,3 pontos), houve queda (-0,6%). Os números foram divulgados pela Confederação Nacional do Comércio, em todas as capitais do país, na quinta-feira, 22.09.

“O aumento na intenção de consumo das famílias pode ser explicado basicamente por três fatores. A redução do desemprego, mesmo que ainda tímida; a queda na inflação; e, por fim, a proximidade do período de final de ano, que traz além de um incremento de renda, um clima mais propenso ao consumo”, comentou o presidente da Fecomércio RN, Marcelo Queiroz.

Entre as famílias natalenses que possuem rendimentos de até 10 salários mínimos, a intenção de consumo de setembro de 22 (80,8 pontos) cresceu 31,8%, em relação a setembro de 2021 (61,3 pontos), e caiu 1,1% na comparação com agosto de 22 (81,7 pontos).

O ICF nacional alcançou 84,4 pontos em setembro de 2022, superando novamente os resultados do mesmo mês nos dois anos anteriores e mantendo a tendência de alta, iniciada em janeiro deste ano.