Influenciador Ivan Baron denuncia ataque de comediante em show de stand-up: ‘ preconceito e crueldade disfarçados de humor’

O influenciador Ivan Baron na posse de Lula
O influenciador Ivan Baron na posse de Lula — Foto: Reprodução

O influenciador digital Ivan Baron, de 24 anos, usou as redes sociais na manhã desta segunda-feira, e repudiou as falas do comediante Léo Lins, durante um show de stand-up. Em um vídeo, que também foi compartilhado na postagem, Lins comentou uma ação judicial em que será julgado por falas “ofensivas” contra pessoas com deficiências.

“Um tempo atrás veio um processo grande que eu tô passando, que quem foi responsável por isso foi um militante lá, que foi o que subiu a rampa com o Lula”. O potiguar foi uma das personalidades que representou o povo brasileiro na passagem da faixa presidencial a Luiz Inácio Lula da Silva (PT) em janeiro.

“Quando o Lula tomou posse e botou os power ranger, subiu o azul, o vermelho, o azul e o rosa, o índio, o cachorro. E aí ele que me fez a denúncia”, continuou o humorista.

Em sua postagem, na rede social X, Ivan rebateu: “Infelizmente preciso vir aqui nas redes sociais expor mais um ataque CAPACITISTA que eu sofri de autoria do Léo Lins. Chegou até a mim um vídeo em que o humorista durante o seu show de stand-up se refere a minha pessoa de maneira extremamente ofensiva”, afirmou o influenciador.

“Até quando quem não pertence a um padrão de linguagem e expressão terá que sofrer refém desse tipo de violência? Nós pessoas com deficiência queremos ser livres, parar de temer por sermos diferentes!”, completou Baron.

Ivan reforça que “ações judiciais já estão sendo tomadas porque não dá mais para tratar como algo que não aconteceu, mas existe sim e grita por justiça, acredito que a impunidade não pode se sobressair, para acabarmos de vez com o preconceito e a crueldade disfarçados de humor”, ressaltou.

Em maio, o comediante Leo Lins, conhecido pelo humor politicamente incorreto, foi alvo de uma medida cautelar da Justiça de São Paulo que determinou a retirada de seu especial “Perturbador” de todas as plataformas digitais.

“16/05/2023, 15:00, um show de humor é removido da internet a mando do Ministério Público”, compartilhou Lins em suas redes sociais. Nos comentários da publicação, ele ainda escreveu: “quem será o próximo?”

A medida cautelar, além de derrubar o especial, proíbe Lins de “realizar, em suas apresentações, quaisquer comentários, bem como de divulgar, transmitir ou distribuir, quaisquer arquivos de vídeo, imagem ou texto, com conteúdo depreciativo ou humilhante a qualquer categoria considerada minoria ou vulnerável.”

Fonte: O Globo

© 2024 Blog do Marcos Dantas. Todos os direitos reservados.
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem prévia autorização.