Governadores do Nordeste rejeitaram compra de respiradores no Brasil, rebate empresa, que garante devolução dos R$ 50 milhões

O Consórcio Nordeste tentou a compra de respiradores à China através de duas empresas, em três tentativas. Reportagem do Blog do Dina expôs o caso com imprecisão ao relatar apenas uma empresa, a Ocean 26, a quem, de fato, o consórcio tentou comprar respiradores. Mas o dinheiro informado na matéria, quase R$ 50 milhões que o Consórcio Nordeste tenta reaver, foi transacionado com a empresa Hempcare, sediada em São Paulo.

Na reportagem dessa segunda-feira, o Blog do Dina informou que o Rio Grande do Norte autorizou a compra de 30 respiradores – em lote de 300 para todos os estados da região. Pela quantia pagou R$ 5 milhões. O Governo do Rio Grande do Norte, procurado pelo blog, confirmou a transação, mas não informou de qual empresa se tratava. O Blog do Dina pede desculpas aos leitores e repõe a verdade, incluindo, posicionamento da Hempcare.

O Consórcio Nordeste tentou a compra de respiradores à China através de duas empresas, em três tentativas.