Francisco do PT propõe que a Petrobras não aumente preço dos combustíveis enquanto durar a pandemia da Covid-19

Como forma de atender a população, principalmente as parcelas de maior vulnerabilidade social, e o segmento produtivo no geral, o deputado estadual Francisco do PT propôs, por meio de requerimento, que a Petrobras se abstenha de aumentar preços de seus produtos (combustíveis, seus derivados e gás de cozinha) enquanto durar a pandemia da Covid-19.

“Entendemos que no meio de uma pandemia sem precedentes como essa é inadmissível que uma empresa estatal, como a Petrobras, eleve os preços de seus produtos (combustíveis, seus derivados e gás de cozinha)”, justificou o deputado

De acordo com Francisco do PT, o reajuste no preço dos combustíveis provoca um efeito cascata em toda economia. “Qualquer aumento nas condições que estamos trará ainda mais dificuldades para o povo brasileiro, em especial os mais necessitados. Oportuno ainda destacar que vários países do mundo estão tomando medidas anticíclicas, injetando dinheiro na economia, renunciado receitas ou controlando preços públicos, fato que também justifica a presente solicitação”, pontuou. A iniciativa do parlamentar foi em contraposição ao reajuste de 12% anunciado pela PETROBRAS, nesta quarta-feira (20), nas refinarias, no preço da gasolina.