Francisco do PT propõe criação da Frente Parlamentar das Águas

A fim de aprofundar o debate sobre a questão hídrica no Rio Grande do Norte, o deputado Francisco do PT está propondo a instalação de uma Frente Parlamentar das Águas. Durante a sessão plenária desta quarta-feira (20), o deputado se pronunciou sobre o tema.

“Num Estado como o nosso, onde mais de 80% do seu território sofre com a escassez de água, é preciso debatermos essa questão de forma mais aprofundada. É comum o debate se intensificar quando a água está escassa, provocando discussões à exaustão sobre a forma de disponibilizar água para as populações afetadas, com a criação da Frente, iremos aprofundar o debate”, afirmou o parlamentar.

Francisco do PT destacou que em algumas regiões do RN, no período de escassez, o sistema de abastecimento entra em colapso e a população não dispõe de água nem para o consumo humano. “Algumas cidades estão passando por um período de seca, completando sete anos, como é o caso de Acari, Caicó, Jardim do Seridó e outras”, citou.

O parlamentar destacou a necessidade de um debate permanente, devido às características climáticas do RN. Ressaltou também a importância da água do ponto de vista ambiental para a regularização climática, térmica, a própria questão do planeta e a importância para a economia e atividades como agricultura, pesca, entre outras.

“Os meteorologistas acusam que este ano teremos chuvas regulares e que os próximos também poderão ser de chuva. Mas me pergunto se quando a chuva vier, abastecer os mananciais, se iremos nos preparar para as futuras secas”, alertou. 

Francisco mencionou que o RN aguarda por obras importantes, como o complexo da Barragem de Oiticica, que terá capacidade para mais de 600 milhões de litros, garantindo a sustentabilidade hídrica da região, bem como as obras da Transposição do rio São Francisco, que precisam ter continuidade.