Espanha anuncia que retira ‘definitivamente’ sua embaixadora da Argentina após fala de Milei

O primeiro-ministro espanhol, Pedro Sánchez, e o presidente argentino, Javier Milei
O primeiro-ministro espanhol, Pedro Sánchez, e o presidente argentino, Javier Milei — Foto: AFP

A Espanha retirará “definitivamente” sua embaixadora na Argentina após o presidente do país, Javier Milei, ter se recusado a pedir desculpas por sua fala contra a esposa do primeiro-ministro Pedro Sánchez, Begoña Gómez, na qual a chamou de “corrupta”, anunciou o ministro das Relações Exteriores, José Manuel Albares, nesta terça-feira.

“Anuncio que estamos retirando nossa embaixadora em Buenos Aires”, María Jesús Alonso Jiménez, que já havia sido chamada para consultas no domingo, e que “ela permanecerá definitivamente em Madri”, o que significa que “a Argentina continuará sem um embaixador”, disse Albares em uma entrevista coletiva após um conselho de ministros.

Albares elevou o tom contra a Argentina depois de Milei, após retornar de uma visita à Espanha, disse em uma entrevista ao canal TN que não pediria desculpas, como o premier Sánchez havia pedido.

— Não vou pedir desculpas a ele em nenhuma circunstância — afirmou Milei, alegando que “quem foi atacado fui eu”, em referência aos funcionários do governo espanhol que o chamaram de “xenófobo, racista, ultradireitista (…) negador da ciência, misógino”.

(Em atualização)

Fonte: O Globo

© 2024 Blog do Marcos Dantas. Todos os direitos reservados.
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem prévia autorização.