Encontros Regionais do MPRN em 2018 têm primeira rodada em Caicó

A Procuradoria-Geral de Justiça do Rio Grande do Norte (PGJ) iniciou nesta quarta-feira (13) os Encontros Regionais 2018. O primeiro ocorreu em Caicó, cidade do Seridó potiguar. Ao todo, são quatro eventos para reunir membros e servidores de todas as comarcas do Estado e dialogar com a Administração Superior do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) em busca de solucionar problemas, fortalecer ações exitosas e promover a integração institucional. Os encontros acontecem ainda nas cidades de Natal (15), Mossoró (20) e Martins (21.

Para a técnica do MPE Julia Araújo, da 1ª Promotoria de Justiça de Caicó, o Encontro Reginal é uma plataforma proveitosa. “É um momento de termos um contato com a Administração Superior e de ter um feedback do que está acontecendo. Acaba que nós do interior estamos um pouco distantes de tudo que acontece na capital, na PGJ, e essa é uma forma de termos conhecimento de tudo o que está acontecendo na instituição”, resumiu.

O promotor de Justiça de Jardim de Piranhas, Vinícius Lins Leão de Lima, destacou a oportunidade que a aproximação entre a PGJ e os agentes que estão nas Promotorias de Justiça traz para a melhoria dos serviços. Para ele, a realização de encontros como esse “é sempre positiva, porque a administração faz a prestação de contas e se aproxima da ponta, como dizemos. Vale a pena no sentido de você poder trazer a sua demanda diretamente para o procurador-geral de Justiça e para a sua equipe, e aí você poder levar o problema que atinge a ponta, como eu disse”.

O diretor de Tecnologia da Informação, Salerno Silva, concorda com o promotor, e acrescenta que nos encontros “verificamos como as pessoas recepcionam nossas demandas. Nós temos visões internas que sem esse contato direto com o pessoal, a gente não consegue aprofundar. Isso é bastante interessante e revela algumas situações que lá não tínhamos até ciência”.

O promotor de Justiça e chefe de Gabinete da PGJ, Carlos Henrique Rodrigues da Silva, resumiu como foi a realização do encontro em Caicó: “a Administração Superior pode expor os projetos, as diretrizes e as ideias para todos os membros e servidores da região. No turno da tarde, na segunda fase do evento, pudemos detalhar todos os pormenores dos projetos, e inclusive receber devolutivas por parte de servidores e membros, com algumas reclamações, sugestões, enfim, algo que a administração precisa de feedback para poder melhorar os seus serviços”.