EJA em Ação, parceria entre a 10ª Direc e o Sistema Rural de Comunicação é destaque na Rádio Bandeirantes de São Paulo

Do Blog Peças Raras

Em um país de dimensões continentais, o rádio chega em lugares em que não há sequer sinal de internet e às vezes nem de TV. Quando as salas de aula migram para as salas das casas dos alunos, o centenário meio de comunicação volta a ocupar um lugar central.

Entre dezenas de regiões em que o rádio tem transmitido educação é em Caicó, no Rio Grande do Norte, que encontramos uma experiência das mais interessantes. A Rádio Rural, criada em 1963 justamente para irradiar aulas, agora volta a servir de sintonia entre professores e alunos da EJA – Educação de Jovens e Adultos

E como na época em que o rádio teve sua fase de ouro, na zona rural, as aulas são apresentadas às 7 da noite, no momento em que os alunos estariam na escola, após um dia de trabalho. As aulas acontecem com os melhores recursos radiofônicos, com música ao vivo, entrevistas e debates sobre os conteúdos das aulas e ainda a participação dos alunos/ouvintes.

Em tempos de isolamento social, o rádio se mantém em sintonia com o pensamento do professor Edgar Roquette-Pinto, o pai do rádio no Brasil. Ele costumava dizer que “O rádio é o jornal de quem não sabe ler, o mestre de quem não pode ir à escola; o animador de novas esperanças e o consolador do enfermo”.

Ouça a matéria levada ao ar no Programa Você é Curioso da Rádio Bandeirantes