Eduardo critica “TV Cultura” por reportagem sobre agrotóxicos

Deputado Federal Eduardo Bolsonaro
Eduardo Bolsonaro (foto) disse que a apresentadora falava "igual a um deputado do Psol"

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL-SP) criticou a TV Cultura por exibir uma reportem que relatava o aumento do consumo de agrotóxicos no país. Ele também chamou a apresentadora, a qual não citou o nome, de “militante” e disse que ela falava “igual a um deputado do Psol”.

“Lamentável que a TV Cultura tenha se tornado isso. Metendo o pau no setor nacional mais pujante”, declarou o congressista no X (antigo Twitter) no sábado (11.nov.2023).

Eduardo citou projetos sobre o uso de agrotóxicos que tramitam no Congresso e comparou a situação com a Sri Lanka, afirmando que um caso semelhante derrubou o presidente do país, e com a Holanda, dizendo que teria ajudado a fortalecer a bancada do agro.

“A quem interessa destruir o agro brasileiro? Aos brasileiros que não é”, disse.

Eduardo não cita de quando seria o programa que ele tirou foto. Não há conteúdo sobre agrotóxicos na programação da emissora no sábado (11.nov), data da publicação do deputado.

Fabio Wajngarten, assessor do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), fez eco à crítica de Eduardo. “É inadmissível que um meio de comunicação estatal ataque um dos setores produtivos do Estado de São Paulo”, disse ao repostar a postagem do deputado também no sábado (11.nov).

O Poder360 procurou a TV Cultura para saber de quando seria o programa e também para que a emissora se manifestasse sobre a crítica de Eduardo Bolsonaro, mas não obteve retorno até a publicação desta reportagem. O espaço segue aberto.

Fonte: Poder360

© 2024 Blog do Marcos Dantas. Todos os direitos reservados.
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem prévia autorização.