Detran deve aplicar 3 mil exames práticos de direção no interior do Estado em outubro

A partir da próxima terça-feira (04), o Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) inicia o cronograma de exame prático monitorado de direção veicular voltado aos municípios do interior do Estado. Serão 19 dias de aplicações de exames beneficiando 29 cidades e cerca de 3 mil candidatos a primeira habilitação ou a mudança de categoria da CNH.

Os municípios que receberão as equipes de examinadores do Detran são: Caicó (04/10); Santa Cruz e Tangará (05/10); Jaçanã (06/10); Umarizal e Patu (07/10); Assú e Angicos (10/10); Apodi e Caraúbas (11/10); Pau dos Ferros (13/10); São Miguel e Alexandria (14/10); Macau e Guamaré (17/10); Alto dos Rodrigues e João Câmara (18/10); Nova Cruz e Passa e Fica (19/10); Goianinha e São José do Mipibu (20/10); Extremoz (21/10); Parelhas e Acari (24/10); Jardim do Seridó e Jucurutu (25/10); Currais Novos (26/10); Lagoa Nova (27/10); e São Paulo do Potengi (28/10).

Além dos exames itinerantes no interior, o Detran realiza diariamente exames de direção veicular em unidade fixas do órgão em Natal e Mossoró. Para fazer o teste o cidadão precisa fazer o agendamento no portal de serviços do Detran.

O atendimento é exclusivo para quem realizar o agendamento prévio pelo site, devendo se apresentar no órgão com o comprovante de agendamento para ter o acesso às dependências do Detran.

Os examinadores analisam o conhecimento prático de volante dos alunos que já foram considerados aptos na prova de legislação e nos exames médico e psicológico, e que também já concluíram a carga horária de aulas prática e teórica ministradas pelo centro de formação de condutor de sua escolha.

Para que o candidato seja aprovado no teste é necessário que ele não cometa nenhuma falta eliminatória e que a soma dos pontos negativos seja menor do que três.

De acordo com o setor de Estatística do Detran, nos primeiros oito meses deste ano foram aplicados no Rio Grande do Norte 59.498 exames práticos monitorados, alcançando uma média mensal de 7.437 testes.