Criança é internada em estado grave após comer lagartixa oferecida pela madrasta

Lagartixa

A Polícia Civil de Goiás investiga o caso de uma criança de 11 anos que está internada em estado grave por intoxicação após comer uma lagartixa, em Formosa, no entorno do Distrito Federal. Segundo a Polícia Civil, tudo indica que o menino não foi obrigado a ingerir o animal mas aceitou quando lhe ofereceram, duas semanas atrás. Ele passou mal durante a semana, e só foi internado no último sábado (11) com infecção intestinal.

— Conforme narrativa da ocorrência e relato da mãe, a atual sogra de seu genitor convenceu a criança a comer parte do pequeno animal frito, sob a alegação de que já havia passado necessidade e que o animal poderia satisfazer sua fome. Mas ainda estamos investigando toda a dinâmica do fato para esclarecer melhor o que houve — afirma o delegado Paulo Henrique Ferreira dos Santos, da 1ª Delegacia Distrital de Polícia de Formosa.

A ocorrência está sendo investigada pela 1ª Delegacia Distrital de Polícia em Formosa, e a mãe do menino deve prestar depoimento na próxima quinta-feira (14), pois ela ainda acompanha a criança no hospital.

“A investigação ainda vai esclarecer como o fato aconteceu, qual foi a dinâmica, pois isso ainda não está claro. O menino teve intoxicação, foi para o hospital e foi medicado para tratar uma bactéria que contraiu ao ingerir o animal. A mãe dele vai apresentar os exames hospitalares para ajudar na investigação”, comoleta a Civil.

Fonte: O Globo