Candidatos católicos e evangélicos teriam a preferência dos eleitores que votariam em candidato de segmento religioso

Quando perguntado se votariam em um candidato de segmento religioso, das 77 pessoas que responderam que sim, o resultado foi:

  • 44,2% votariam em um candidato católico
  • 41,6% votariam em um candidato evangélico
  • 10,4% votariam em um candidato de outra denominação religiosa
  • 3,9% votariam em um candidato espirita