Cadu Xavier: “não dá pra falar que vai ter impacto na inflação, que vai aumentar os preços dos produtos porque já temos a alíquota de 20% aqui no RN”

Em entrevista ao Panorama 95 desta sexta-feira (01) o secretário da Fazenda do RN, Carlos Eduardo Xavier defendeu a importância da manutenção da alíquota de 20% do ICMS para 2024.

De acordo com ele no final do ano de 2022 o Governo aumentou a alíquota modal de 18 para 20%, por um período e dentro de um contexto da redução de perdas de receita. E agora, diante do novo cenário vê a necessidade de manter a alíquota nos 20%.

“O contexto mudou, a gente entende a posição de alguns deputados, faz parte da política. O que a gente as vezes tem dificuldades de entender é um deputado, pela manhã militar contra a manutenção da alíquota de 20% e a tarde ir na porta da governadoria pedir aumento de salário para servidores”, explicou o secretário.

Cadu também deixou claro que não existe aumento da alíquota do ICMS, e sim uma manutenção nos 20% já praticados pelo Estado.

“Não tem aumento de alíquota, e sim manutenção. E não dá pra falar que vai ter impacto na inflação, que vai aumentar os preços dos produtos porque já temos essa alíquota aqui. A manutenção dela é fundamental para as receitas do Estado, pagar a folha em dia dos servidores, fundamental para o setor produtivo do Estado. Temos uma grande massa consumidora que são os servidores do Estado. Acreditando no bom senso dos deputados a gente entende que o ideal é que seja mantida essa alíquota em 20% nos próximos anos”, defendeu o secretário.

Confira a entrevista

© 2024 Blog do Marcos Dantas. Todos os direitos reservados.
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem prévia autorização.