As consequências da “boa sombra” do Nim

Há anos Caicó apostou no Nim Indiano, considerada a árvore sagrada, por sua folhagem sempre verde, pela resistência de sua madeira e, principalmente pela sua sombra.

Caicó adotou o Nim e hoje são quase 30 mil unidades dele espalhados por toda a cidade.

Porém a conta também chegou a muito tempo. Com um Município sem estrutura para atender a demanda de poda, com uma coleta de lixo ineficiente para recolher os galhos das árvores e com a população sem espaço para dar a destinação correta, cenas como essas são bem corriqueiras em Caicó:

Confira fotos feitas pelo Blog do Marcos Dantas