Após quatro dias no escuro, moradores de São Paulo fecham via com fogo em protesto contra falta de luz

Moradores do Jardim Colombo ateiam fogo em entulho fechando via
Moradores do Jardim Colombo ateiam fogo em entulho fechando via — Foto: Reprodução/Globonews

Moradores do Jardim Colombo ocuparam dois sentidos da Avenida Giovanni Gronchi, no Morumbi, Zona Sul de São Paulo, em protesto contra a falta de energia elétrica desde a tempestade da última sexta-feira. O grupo fechou a rua e colocou fogo em entulho como protesto pelos quatro dias no escuro.

A comunidade do Jardim Colombo fica a cerca de 15 minutos do Palácio dos Bandeirantes, residência oficial do governador de São Paulo.

As imagens foram flagradas pelo helicóptero da TV Globo e exibidas ao vivo na Globonews. Meia hora depois, a Polícia Militar e os Bombeiros chegaram ao local, dispersaram os manifestantes e apagaram o fogo. A via continuou fechada por conta do material queimado.

Ao menos 141 mil imóveis da Grande São Paulo ainda estão sem energia nesta terça-feira (7). Desse total, 47 mil foram afetados diretamente pelo temporal de sexta-feira (3), de acordo com o presidente da Enel, Max Lins, em entrevista à GloboNews.

Max informou ainda que é impossível garantir que todos terão o serviço restabelecido até o fim desta terça-feira, mas que “estão trabalhando para resolver”.

Dos 141 mil imóveis:

Fonte: O Globo

© 2024 Blog do Marcos Dantas. Todos os direitos reservados.
Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site sem prévia autorização.