Ao lado de representantes do grupo Corujas do Seridó, vereadores buscam junto à Prefeitura inclusão de políticas públicas para os autistas de Caicó

O presidente da Câmara de Vereadores, Ivanildo do Hospital (PSDB) e os vereadores Thales Rangel (PDT), Dedé Boneleiro (PSB), Diogo Silva (PROS), professor Veranilson (PP), irmão Renato (PP) e Júlio Filho (MDB), estiveram ao lado de representantes do grupo Corujas do Seridó, buscando melhorias para os autistas de Caicó. A reunião aconteceu no Centro Administrativo com a presença do prefeito Dr. Tadeu, o procurador do município João Braz, o presidente da OAB Subccecional de Caicó, Dr. Antônio Marcos, além de outros convidados.

Na oportunidade os pais falaram sobre suas vivências ao lado de seus filho e discutiram a possibilidade da inclusão de terapias para os pais e/ou cuidadores de autistas, um projeto de equoterapia, além da necessidade de mais profissionais para compor as equipes multi profissionais, com a presença de um neurologista.

Outro ponto tratado na reunião diz respeito a fundação da Associação de Famílias de Pessoas Autistas do Seridó (Corujas do Seridó) com o apoio da OAB, onde eles pretendem conseguir a doação de um terreno para construção da Clínica Escola do Autista.

Discutiram ainda, o cumprimento da Lei de Redução de jornada de trabalho para servidor público municipal efetivo que, comprovadamente, seja cônjuge, pai, mãe, tutor, curador ou responsável pela criação, educação e proteção da pessoa com deficiência.

No município, as pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA) tem atendimento preferencial nos estabelecimentos públicos e privados. A lei já foi sancionada e partiu de um projeto da Câmara através do mandato do ex-vereador José Rangel (PDT). Outra lei que partiu da Casa Legislativa foi a de redução de jornada de trabalho de 50% de sua carga normal cotidiana, sem prejuízo de remuneração e carreira, independente de compensação de horário, enquanto perdurar a dependência – esta foi de autoria do ex-vereador Zé Filho.