Antes de gravar o pronunciamento para Tv, Bolsonaro se reuniu com o filho, o vereador Carlos do Rio

Ainda de acordo com a Folha de S. Paulo, entre as pessoas com quem o presidente Jair Bolsonaro se reuniu nesta terça-feira (24), antes de gravar o pronunciamento está o vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ), um de seus filhos e o principal defensor de que o presidente mantenha um discurso mais ideológico e anti-imprensa. Carlos tem forte influência no gabinete do ódio.

O encontro não estava previsto inicialmente, mais foi inserido na agenda ao fim do dia. Além de Carlos, participaram do encontro os ministros Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo), Onyx Lorenzoni (Cidadania), Ricardo Salles (Meio Ambiente) e Walter Braga Netto (Casa Civil). O senador Flavio Bolsonaro (sem partido-RJ) e o ex-jogador de futebol Paulo César Tinga também estavam presentes.

Filho do presidente, Carlos Bolsonaro tem forte influência no gabinete do ódio.