Ala de frente do Magão garante alegria e segurança aos foliões

Em 2008, Magão teve a ideia de colocar artistas para ser o limite entre plateia e o trator que puxa a trivela com a orquestra. O projeto começou com Emanuel Bonequeiro, Fernando Faria, Maguila, Jonas Linhares e Jacó (irmão de Magão). Com coreografias e fantasias, o grupo tem a missão de animar e garantir a segurança dos foliões do Ala Ursa do Poço de Sant’Ana.

O percurso do bloco na avenida dura em média quatro horas e a orquestra anima a multidão com um repertório com mais de cem frevos e marchinhas. “Ensaio os passos para condicionar fisicamente, mas a coreografia é inventada na hora. Vai muito da intuição. Conheço desde os frevos tocados (sem puxador, como Vassourinha), até as marchinhas” destaca Emanuel.

A Ala de Frente vai abrindo espaço para a trivela passar. Porém, as fantasias e coreografias chamam atenção e os turistas querem parar para fotografar. “Quando chove, todo mundo quer vir para perto da orquestra, porque é o local mais quente. Tem também os carrinhos que as vezes param no meio da avenida para vender a cerveja”, cita Emanuel, lembrando que também é função deles cronometrar o tempo do bloco na avenida e evitar atrasos, que prejudicariam os demais blocos.

O Bloco do Magão conta com apoio do Município de Caicó, Fundação José Augusto, Governo do Estado, JM Frios e Lebon, Ligzarb Supermercados, Rende Gás – Liquigás, Ótica Graciosa, Top Peças, Supermercado São Francisco e Geração XXI, entre outros patrocinadores. A associação carnavalesca comemora em 2020, 40 anos de animação do Carnaval de Caicó.