Vereadores de Ouro Branco vão apreciar hoje Projeto que também reforça setor jurídico da Prefeitura


Nesta segunda-feira (7) será votado pela Câmara Municipal de Ouro Branco, Projeto de Lei que fala em “organização administrativa da Prefeitura e das Secretarias”. No pano de fundo, além de aumentar cargos comissionados, cria um “Consultor Jurídico”, com vencimento de R$ 5 mil por mês. Nem as Prefeituras de Caicó, Currais Novos e Parelhas, por exemplo, dispõe desse salário aos seus auxiliares.

 

Em Ouro Branco, a prefeita Fátima Silva (PT), que aguarda julgamento do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), do processo de cassação por abuso de poder econômico nas eleições de 2016, já dispõe de um Procurador Geral com salário alto e também tem uma Procuradora efetiva, que foi aprovada em concurso público. Mas, parece que para a estrutura da Prefeitura Municipal não basta. Agora precisa de um Consultor Jurídico, que cidades maiores não têm esse cargo. Vamos aguardar se o Projeto será aprovado hoje. Em tempo, a prefeita tem maioria na Câmara.

Câmara de Ouro Branco tem sessão na tarde desta segunda-feira – Foto: Divulgação