Texto da Reforma da Previdência abordará possíveis irregularidades


O Dia – São milhares de ‘encostados’ por doenças que não geram incapacidade e outros milhares que não voltaram aos postos de trabalho em menos de 15 dia. O levantamento do ministério da Transparência, Fiscalização e Controladoria-Geral da União – que mostra suspeitas de irregularidades em mais 80% dos benefícios do INSS – será uma da principais peças do texto da Reforma da Previdência que será encaminhada ao Congresso pelo presidente Michel Temer.

São milhares de “encostados” por doenças que não geram incapacidade e outros milhares que não voltaram aos postos de trabalho em menos de 15 dias – conforme determina a atual e defasada lei previdenciária.