PGJ cria núcleos de Justiça Juvenil Restaurativa em Mossoró e Parnamirim


Com a certeza de que a Justiça Juvenil Restaurativa é a metodologia extrajudicial de resolução de conflitos ideal para contribuir na redução dos índices de violência envolvendo crianças, adolescentes e jovens, a Procuradoria-Geral de Justiça criou os núcleos de Justiça Juvenil Restaurativa de Mossoró e Parnamirim.

As resoluções que instituem os núcleos foram publicadas nesta terça-feira (10) e estabelecem que os promotores de Justiça da infância e da juventude das duas comarcas devem integrar e coordenar as ações dos núcleos. Todas as atividades também vão contar com a assessoria e supervisão da equipe técnica do Núcleo Permanente de Incentivo à Autocomposição (Nupa).