Ministério Público recomenda que prefeita de Equador remaneje quase 80 mil reais para a conta do Fundeb


O Ministério Público está recomendando a prefeita de Equador, Noeide Clemens Ferreira de Oliveira, remanejar à conta do FUNDEB (antigo FUNDEF) o valor de R$ 78.521,07 (setenta e oito mil, quinhentos e vinte e um reais e sete centavos), conforme determina o acórdão nº 4894/2005 do TCE, no prazo máximo de 60 (sessenta) dias corridos, a contar do recebimento da recomendação, assinada pela promotora Kaline Cristina Dantas Pinto.