Ministério Público move ação contra ex-prefeito de Acari e empresário


O Ministério Público do Rio Grande do Norte está movendo uma ação civil de improbidade administrativa contra o ex-prefeito de Acari, Antônio Carlos Fernandes de Medeiros (Tom), a empresa Clésio Araújo de Souza – ME (Gargalheiras Produções) e o empresário Clésio Araújo de Souza por dano ao erário no valor de R$ 263.900,00 (duzentos e sessenta e três mil e novecentos reais).

O processo apura irregularidades na contratação da empresa Gargalheiras Produções, que ocorreu diversas vezes por inexigibilidade de licitação durante o mandato do ex-prefeito Tom, para promoção de festas na cidade, incluindo contratação de bandas e estrutura de som e iluminação.