Marcos Dantas

Denunciada em várias ações por improbidade, prefeita de Ouro Branco corre risco de perder seus direitos políticos


fatimaaraujo

A prefeita de Ouro Branco, Fátima Araújo corre o risco de perder seu mandato. Basta que o Tribunal de Justiça julgue favorável outras ações Civis públicas, oferecidas pelo Ministério Público, na pessoa do promotor Gláucio Pinto, que pedem a perda dos direitos políticos da mesma.

Se for condenada em algumas destas ações, Fátima passa a figurar como condenada em segunda instância, o que pela lei da Ficha Limpa estaria impedida de continuar no cargo de prefeita. Na semana passada o Tribunal de Justiça decidiu uma ação em que Fátima é denunciada por contratação irregular de servidores. Neste julgamento o Tribunal acolheu apenas a apelação da prefeita, que foi no sentido de reduzir a multa aplicada na primeira instância.