Marcos Dantas

Coligação de Alexandre Petronilo denuncia Dr. Tiago e advogada ao Ministério Público Eleitoral


A Coligação é Daqui Pra Melhor protocolou nesta sexta-feira (16) representações na Polícia Federal, em Natal, e no Ministério Público Eleitoral, em Parelhas, sob o argumento de que a advogada Patrícia e o candidato Tiago haviam, com fins eleitorais, denegrido a imagem e a honra do candidato Alexandre Petronilo, usando, inclusive, de fatos sabidamente inverídicos.

De acordo com a notícia crime, no dia 12.09.2016, a advogada, em dois discursos nas ruas de Parelhas, teria proferido mentiras ao dizer que a gratificação de um servidor havia sido tirada para usarem o dinheiro para comprar votos e, também, que o candidato Alexandre tinha recebido R$ 14.000,00 em diárias só para viajar a um resort.

Já o candidato Tiago, em comício no mesmo dia 12.09, acusou Alexandre Petronilo de deixar licitação aberta na Prefeitura Municipal para a compra de quase um milhão em lanches, porém é sabido que tal licitação não era de responsabilidade do então secretário, bem como que, sequer foi contratada ou pago qualquer valor referente à mesma, incorrendo, pois em calunia sua propagação. Em seu discurso, no mesmo dia, Tiago ainda incentivou os eleitores a prática criminosa de receberem dinheiro ou dádiva durante a campanha, o que é vedado pela legislação.

Os representados serão, com isso, investigados pela prática de crimes contra a honra eleitoral, como difamação, calúnia, entre outros, apenas com fins de denegrir a imagem do adversário para angariar votos, além da prática, no caso de Tiago Almeida, de apologia ao crime.