Central de Transplantes quer estimular doação de órgãos com Setembro Verde


Este ano, até o mês de agosto, foram realizados, no Rio Grande do Norte, 67 transplantes de córnea, 38 transplantes de rim e 35 transplantes de medula óssea. Em 2015 foram realizados 131 transplantes de córnea, 65 transplantes de rim e 39 transplantes de medula óssea. Para estimular a doação de órgãos e tecidos, a Central de Notificação, Captação e Distribuição de Órgãos (Central de Transplantes do RN) está promovendo a campanha “Setembro Verde”, movimento de caráter nacional, desenvolvido pelo Sistema Nacional de Transplantes .

A campanha recebe este nome porque em 27 de setembro se comemora o Dia Nacional da Doação de Órgãos e a cor verde faz referência à cor do laço símbolo mundial da doação de órgãos e tecidos para transplantes. Atualmente, no Estado, são realizados transplantes de rins, córnea, e medula óssea nos hospitais públicos e privados habilitados.

Apesar de tantas doações, a Central de Transplantes ainda registra fila de espera de órgãos. Os dados de agosto de 2016 apontam 147 receptores de córnea, 145 receptores de rim e 34 de medula óssea na fila de espera.

Nacionalmente, de acordo com dados do Ministério da Saúde, no primeiro semestre deste ano, o País bateu recorde com 1.438 doadores, 7,4% a mais que o mesmo período em 2015. O Brasil é referência mundial em transplantes. Em 2015, foram realizadas 23.666 cirurgias; 1.164 órgãos e 2.409 tecidos foram transportados. Houve ainda 110 órgãos e 219 tecidos transferidos por meio de voos fretados e transportes terrestres em parceria com as Centrais Estaduais de Transplantes.

Campanha Setembro Verde será encerrada com Caminhada no sábado (24)

Para marcar as ações do Setembro Verde, a Central de Transplantes realiza, no próximo sábado (24), em Natal, uma Caminhada, com concentração a partir das 7h em frente ao IFRN, na Av. Salgado Filho, com destino ao Parque das Dunas, onde será celebrado o Dia Nacional de Doação de Órgãos, com programação cultural.