Carro da Emater é incendiado no RN; polícia não descarta ato criminoso


Um carro do Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural do Rio Grande do Norte (Emater) pegou fogo na madrugada desta terça-feira (6) em São Vicente, cidade distante 200 quilômetros de Natal. A Polícia Militar ainda investiga as causas do incêndio e não descarta a possibilidade de um ataque criminoso. As chamas consumiram o automóvel por cerca de 20 minutos. Ninguém ficou ferido.

Segundo a PM de São Vicente, o veículo estava no pátio, dentro do instituto. “Recebemos a denúncia por volta de 1h30 da madrugada. Populares ajudaram a conter as chamas”, relatou um dos soldados da corporação. O policial disse que as imagens das câmeras de segurança serão analisadas.

Ataques em Natal
No último domingo (4), um ônibus foi incendiado, a delegacia e o carro da Polícia Civil atingidos por tiros em Natal e Parnamirim – ataques orquestrados por uma facção criminosa que atua dentro e fora dos presídios do estado. A Polícia Civil trabalha com duas possibilidades: retaliação de criminosos, como resposta à ação policial que terminou com cinco assaltantes mortos e dois presos na noite do sábado (3) em São José de Mipibu, cidade da região Metropolitana da capital potiguar, ou mesmo um recado à instalação de bloqueadores de celular que está sendo feita na Penitenciária Estadual de Alcaçuz, maior presídio do estado. Alcaçuz fica em Nísia Floresta, cidade da Grande Natal.