Após ofender guarda no Facebook, mossoroense é condenado a lavar viaturas de trânsito durante 1 ano

Do Mossoró Hoje – Um acordo firmado na Justiça Estadual, em Mossoró, determinou que o mossoroense Isaac Barros de Holanda irá lavar todas as 10 viaturas da Gerência Executiva de Fiscalização e Trânsito, de Mossoró, nos próximos 12 meses, a cada 15 dias. 

Isso porque, conforme o acordo judicial, Isaac ofendeu o guarda de trânsito Alamo Jackson de Souza Duarte na internet. O acordo foi feito entre as partes nesta quarta-feira, 29, no Fórum Desembargador Silveira Martins. 

Alamo explicou ao MOSSORÓ HOJE que, na época, Isaac fez comentários maldosos sobre ele no perfil no Portal Mossoró Hoje. A reportagem se referia a multas aplicadas em Mossoró. Segundo Alamo, Isaac usou termos como “ladrão” direcionados a ele.

O guarda disse ainda que preferiu não receber dinheiro da parte do denunciado e sugeriu o cumprimento, da parte dele, de uma atividade que beneficiasse a Gerência de Trânsito.

Conforme o acordo, que será enviado ao juiz para homologação nos próximos dias, Isaac Barros terá que se retratar na internet pelas ofensas feitas a Alamo Jackson. A retratação deve ainda circular na página oficial do portal Mossoró Hoje – pois, ele ofendeu Alamo nos comentários de uma postagem. 

Em sua retratação, Isaac Barros deverá ainda, afirmar que os serviços prestados pela gerência são de extrema necessidade e relevância.